Remédios naturais para coceira e ardência vaginal

É importante que a região vaginal seja saudável, sem mal-estares como a coceira ou a ardência. Se você sentir esses sintomas, pode recorrer a algum desses remédios e obter uma solução imediata

Tanto a coceira quanto a ardência vaginal são situações que frequentemente afetam as mulheres por diversas causas. Esses problemas geralmente deixam sensações muito incômodas, que em alguns casos requerem um tratamento imediato.

Conheça quais são os remédios naturais mais eficazes para acabar com esses sintomas em questão de minutos, e que ao mesmo tempo servirão para preveni-los quando se perceba a sensação de uma futura infecção.

O que pode causar a coceira e a ardência vaginal?

  • Micoses ou infecções por fungos
  • Infecções transmitidas sexualmente
  • Produtos de higiene
  • Menopausa
  • Estresse

 

Remédios naturais contra a coceira e a ardência vaginal

Compressas geladas

Mulher cobrindo região genital

Sempre é bom partir do mais simples para o mais complexo, mais ainda quando se precisa de um alívio imediato para a coceira e a ardência vaginal que estão incomodando nesse momento. Utilize as compressas geladas da maneira adequada e obtenha o alívio que você precisa.

Ingrediente

  • 3 cubos de gelo (30 g)

Modo de uso

  • Coloque os cubos de gelo em um pano totalmente limpo e prenda-os com uma fita.
  • Coloque a compressa fria na vagina e deixe por 5 minutos.
  • Descanse 30 segundo e volte a repetir o procedimento.
  • Repita o procedimento até 5 vezes ao dia, durante 5 dias, como auxílio para o tratamento. As compressas servirão exclusivamente para o alívio desses sintomas incômodos.

 

Vinagre de maçã

O vinagre de maçã é um dos remédios naturais mais eficazes ao qual você pode recorrer quando sentir o incômodo desses sintomas. Isso se deve às suas características antimicóticas e antibacterianas, úteis para combater algumas infecções vaginais.

Ingredientes

  • 2 colheres de vinagre de maçã (30 ml)
  • 1 copo de água morna (250 ml)

Modo de uso

  • Adicione o vinagre de maçã ao copo de água morna, sem filtrá-lo previamente.
  • Utilize essa solução para refrescar e lavar a área interna da vagina.
  • Faça isso duas vezes ao dia, por uma semana. Você verá a melhora já a partir do segundo dia.

Banho de sal

Evite compartilhar toalhas se quiser evitar coceira e ardência vaginal

Os banhos de água salgada são uma excelente alternativa quando se trata de aliviar a coceira e a ardência vaginal, pois vão removendo as infecções micóticas que em sua maioria são as causas desses sintomas.

Ingredientes

Modo de uso

  • Despeje o sal e a medida de água em uma banheira. Use esse líquido para lavar a região vaginal, certifique-se de que a solução foi espalhada por toda a região anatômica.
  • O alívio será imediato.
  • Aplique a mistura toda vez que os incômodos aparecerem e você vai ver a diferença.

Óleo de alho

O alho é um dos ingredientes naturais com mais propriedades antibióticas que ajuda a diminuir incômodos como a coceira e a ardência vaginal.

Ingredientes

  • 5 gotas de óleo de alho
  • 1 colher pequena de óleo de vitamina E

Modo de uso

  • Misture os dois óleos e comece a aplicá-los na área vaginal com movimentos circulares e com precaução.
  • Deixe agir durante 10 minutos e, em seguida, enxágue com muita água.
  • Aplique esse remédio natural duas vezes ao dia durante 2 semanas.

Iogurte natural

Iogurte natural pode ajudar a aliviar a coceira e ardência vaginal

O iogurte sem sabor e sem açúcar é uma excelente forma de aliviar os sintomas incômodos das infecções vaginais, como a coceira e a ardência incontroláveis. Por ter bactérias benéficas para a área vaginal, o iogurte pode pôr um fim a esses sintomas.

Ingrediente

  • 1 tampão vaginal
  • ½ xícara de iogurte (125 ml)

Modo de uso

  • Deixe o tampão impregnado com o iogurte.
  • Introduza na vagina, deixando por um período de 2 horas.
  • Realize esse procedimento duas vezes ao dia, até sentir a melhoria total dos sintomas.

Esses remédios são as melhores opções naturais quando se precisa de um alívio imediato da área genital, pois se sabe que manter diversas infecções vaginais por longos períodos implica tanto em incômodo quanto em riscos.

O melhor de tudo é que por serem remédios completamente naturais, são inócuos e efetivos para o seu corpo, ou seja, não provocam efeitos secundários ou reações adversas a curto nem a longo prazo.

Recomendados para você