O que é um protetor térmico para o cabelo e quando usá-lo?

Mais cedo ou mais tarde, as ferramentas de beleza que usam calor cobram seu preço. Com o protetor térmico você terá proteção, brilho, maciez e muito mais. É hora de começar a usar!
O que é um protetor térmico para o cabelo e quando usá-lo?

Última atualização: 14 Agosto, 2021

No verão, há muitos programas que envolvem a praia e a piscina. Nesta estação, o cabelo recebe muito calor. Além disso, em nossas rotinas de beleza, estamos muito acostumados a usar instrumentos que submetem os fios a altas temperaturas. O protetor térmico para o cabelo desempenha um papel fundamental nesses casos.

Este é um produto criado para evitar a deterioração devido ao excesso de calor. Os benefícios de usá-lo podem ser muito valiosos, pois ele fornece proteção e resistência. Você gostaria de saber mais sobre a sua eficácia? Continue lendo este artigo.

O que é um protetor térmico para o cabelo?

Como o próprio nome deixa claro, este produto protege o cabelo do calor. Sua função é semelhante à dos filtros solares, que funcionam como uma barreira de defesa. Quando aplicado, torna-se um escudo que cobre a cutícula, ou seja, a superfície do cabelo. 

Ele desacelera a condução do calor e o distribui de maneira uniforme. Em outras palavras, os fios não se aquecem rapidamente, mas aos poucos. Ao reduzir o impacto térmico, as consequências serão menores.

Dependendo da marca que você escolher, o escudo térmico pode ser feito de silicone, polímeros ou proteína de trigo hidrolisada. Aprenda um pouco mais sobre cada variedade:

  • Aerossol: é indicado se você costuma lavar os cabelos com frequência.
  • Creme ou loção: ideal para dar um toque de brilho e é muito fácil de aplicar.
  • Óleo: criado a partir de óleos naturais que proporcionam hidratação.
  • Silicone: esse tipo foi criado na década de 1970. Esta substância não tem cor nem cheiro e sua aparência é oleosa.

Quando é recomendado usá-lo?

Os cabeleireiros aconselham usar o protetor térmico nos cabelos limpos. Penteie delicadamente os fios com um pente de dentes largos (esqueça os de metal) para finalizar a distribuição do produto. A hora certa é quando o cabelo está um pouco úmido.

Se você preferir a versão em spray, borrife generosamente a cerca de 20 ou 30 centímetros de distância do cabelo. No caso de loções ou cremes, é melhor espalhar um pouco na mão para depois aplicar no cabelo. É essencial que você siga as instruções de uso à risca.

Ele deve ser usado somente quando houver exposição ao sol ou calor. Isso significa que não faz sentido considerá-lo para outros fins. Lembre-se de que este não é um creme para modelar os fios.

Efeito do sol nos cabelos
A luz do sol e o calor estragam o cabelo. É por isso que é importante cuidar da radiação ultravioleta.

Efeitos e benefícios do protetor térmico para o cabelo

O protetor térmico costuma ser muito eficaz. No entanto, é importante que você verifique o nível máximo de temperatura que ele é capaz de combater. Para isso, leia o rótulo da embalagem.

Vale esclarecer que embora seja um produto muito bom, isso não significa que seja mágico. Imagine que você aplica protetor solar e se expõe ao sol por muito tempo. As consequências serão mínimas, mas é impossível evitar todos os danos. O mesmo acontece com o protetor capilar.

Os resultados vão depender da qualidade do protetor, da forma e frequência de uso, bem como do nível de calor a que você está se submetendo no seu dia a dia. Dito isso, dê uma olhada nos benefícios deste produto:

  • Ajuda a reparar danos anteriores e restaura a elasticidade.
  • Previne o ressecamento e aspereza, pois evita a perda de queratina.
  • Mantém a umidade natural presente na camada interna de cada fio.
  • Mantém o cabelo forte, evitando quebras ou pontas duplas.
  • Facilita o alisamento e bloqueia o frizz, graças ao propilenoglicol e pantenol.

Embora seja projetado para qualquer pessoa, é especialmente benéfico para quem já usou produtos químicos para pintar, descolorir ou alisar.

Dicas gerais para cuidar dos cabelos diante das altas temperaturas

Não basta aplicar o melhor protetor térmico e cumprir suas instruções de uso. Você precisa seguir outras dicas para proteger seu cabelo do calor:

  • Primeiro, verifique a temperatura dos seus instrumentos de beleza. Tente manter os secadores e chapinhas na configuração mais baixa.
  • Não use secador e chapinha com tanta frequência. Se você faz isso diariamente, reduza para duas vezes por semana. Principalmente no verão, quando você se expõe ao sol.
  • Evite pranchar ou ondular o cabelo enquanto ele ainda está úmido. Sempre mantenha-o seco.
  • Escolha instrumentos de cerâmica em vez de metal. Este material modera e distribui o calor de maneira mais uniforme.
  • Opte pelos secadores iônicos. Você terá uma boa vantagem com esta tecnologia.
Secador de cabelo iônico
Os secadores de cabelo iônicos têm outro método de gerar calor, o que danifica menos o cabelo.

O que fazer com os cabelos danificados pelo excesso de calor?

No mundo da beleza, sempre há remédio para todo mal. Os cabelos castigados não são exceção. Se o excesso de calor prejudicou seus fios, pare de usar os instrumentos mencionados temporariamente. Além disso, compre um xampu e um condicionador sem sulfatos.

Outra rota de fuga são as máscaras capilares. Há centenas para escolher nas lojas de cosméticos, mas uma alternativa muito prática é fazer uma versão caseira com ingredientes naturais. Misture manteiga de karité com o seu óleo essencial preferido, deixe agir e retire. Babosa, iogurte, ovo, leite de coco e abacate também são excelentes.

Outro segredo é cortar as pontas danificadas. Isso fará os cabelos crescerem fortes e saudáveis. Uma vez que seu cabelo estiver revitalizado, você está pronta para retomar a sua rotina de beleza com mais cuidado e consciência.

Pode interessar a você...
Como lavar os cabelos oleosos? O que fazer para reduzir a oleosidade?
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
Como lavar os cabelos oleosos? O que fazer para reduzir a oleosidade?

Ao lavar os cabelos oleosos, é conveniente levar em consideração algumas recomendações. Leia para saber o que fazer caso tenha esse problema.



  • Arroyo I. Acondicionadores y sus principios cosméticos para el tratamiento del cabello dañado. España: Universidad Computense de Madrid; 2016.
  • Álvarez S. Impacto negativo en la salud del cuero cabelludo y el cabello en procedimientos de alisado permanente en salones de belleza del municipio de Nueva Concepción Escuintla. Guatemala: Universidad Galileo; 2018.
  • García M. Fármacos y productos naturales útiles para el tratamiento de la alopecia y el cabello dañado. España: Universidad de Sevilla; 2018.