Por que temos derrames oculares?

· 29 de janeiro de 2016
Os derrames oculares são o fruto de um esforço excessivo que nosso coração teve que realizar. Muitas vezes eles são o resultado de algo que tenhamos reprimido e tenha nos afetado internamente.

Pode ser que alguma vez tenhamos tido um derrame em um olho e que ele tenha desaparecido sem nenhuma razão com o passar de alguns dias. No entanto, há pessoas que sofrem com os derrames oculares de maneira frequente, o que pode preocupar, já que não sabem o que os está causando.

Neste artigo iremos explicar por que algumas pessoas sofrem derrames oculares de maneira habitual, e como podemos preveni-los naturalmente.

Os derrames oculares e o coração

Os derrames oculares podem ter relação com o coração, em especial se quase sempre eles ocorrerem no olho esquerdo.

Não é uma questão grave, mas devemos levar em conta que o derrame pode estar refletindo um esforço exagerado que o coração teve que fazer em algum momento, diante de uma situação difícil. Pode ser por estresse, um exercício brusco, etc.

Por este motivo, toda vez que ele ocorrer, devemos tentar nos lembrar do que aconteceu conosco que possa ter causado isso.

Nem sempre se trata de algo ao qual reagimos, já que, em muitos casos, os derrames são fruto de um golpe forte que reprimimos e que, portanto, nos afetou de maneira interna.

Medico-segurando-um-coracao

Muitas vezes quem sofre com os derrames são pessoas muito serenas e pacíficas em aparência, que lidam em silêncio com as situações difíceis.

Sobre o coração

O coração é um órgão vital que, como o resto do corpo, também abriga emoções e sofrimentos.

De acordo com a medicina tradicional chinesa, as horas de máximo trabalho para regenerar a função do coração são desde as 11 horas da manhã até as 13h, uma faixa de horário em que, se tivermos pré-disposição a sofrer de problemas cardíacos, não deveríamos realizar grandes esforços físicos.

Leia também: 4 exercícios simples que seu coração agradecerá sempre

Mulher-preocupada

Além disso, ainda que pareça apenas algo simbólico, o coração também está relacionado ao amor e às relações amorosas e familiares, e por isso também recebe o impacto de todos os traumas que vivemos neste sentido, desde o falecimento de um familiar ao fim traumático de um relacionamento.

Prevenção dos derrames oculares

Portanto, se quisermos prevenir os derrames oculares, devemos cuidar bem da nossa função cardíaca. Estes remédios podem ser aplicados sempre que não tivermos uma doença do coração ou estivermos fazendo tratamento médico, em cujo caso deveríamos sempre consultar primeiro o nosso médico.

A seguir daremos alguns conselhos para a saúde do coração:

  • Durma sempre de barriga para cima ou sobre o lado direito do corpo, evitando dormir sobre o lado esquerdo, já que é uma postura que comprime o coração.
  • A alimentação deve ser, na medida do possível, vegetariana, pois estes são os alimentos mais benéficos para o coração. Pelo contrário, os mais prejudiciais são a carne vermelha, os embutidos, as gorduras saturadas, o sal refinado, as bebidas com gás, etc.
  • Evite todo tipo de maus hábitos estimulantes, como o tabaco, o álcool, etc.
  • Leve em conta a influência das emoções negativas como o ódio na saúde cardíaca. Você pode obter ajuda com terapias como a homeopatia ou as flores de Bach.
  • As duchas de água fria são muito saudáveis. Se você tiver dificuldade porque está acostumado à água quente, pode alternar a água fria com a quente e, de maneira gradual, fazer predominar cada vez mais a água fria.

Faremos a corrente de água passar de uma forma que a área do coração fique por último. Comece pelo pé e a perna direita, da frente para trás. Faça o mesmo com a esquerda. Depois passe para as costas e o braço direito, e a seguir o esquerdo.

Cura de espinheiro brancoEspinheiro-branco-para-tratar-os-derrames-oculares

Se suspeitarmos que podemos estar a ponto de sofrer um derrame ocular porque já conhecemos a sensação prévia ou porque vivemos uma situação habitual que costuma provocá-lo, ou quando já o temos, podemos realizar uma cura de cinco dias com espinheiro-branco.

Esta planta medicinal tem propriedades vasodilatadoras das artérias coronárias, ajuda a fazer com que o coração bombeie o sangue com mais força e relaxa nosso sistema nervoso diante de situações de estresse, entre muitas outras.

Aprenda: 6 bebidas saudáveis para limpar o sangue de forma natural

Suas virtudes para a saúde coronária são conhecidas e utilizadas desde a antiguidade. Além disso, o espinheiro branco melhora a circulação no organismo, o que irá prevenir e tratar os derrames.

Durante o derrame também podemos lavar o rosto com água fria, sempre com os olhos fechados, várias vezes ao longo do dia. Com este simples conselho, vamos aliviar a vista e o coração.

  • American Academy of Ophthalmology. “Causas de una hemorragia subconjuntival”. Artículo de enero de 2012. Disponible en: https://www.aao.org/salud-ocular/enfermedades/hemorragia-subconjuntival-causa
  • Fernández Pérez Sonia R, de Dios Lorente José Arturo, Peña Sisto Liliana, García Espinosa Sara M, León Leal Mario. Causas más frecuentes de consulta oftalmológica. MEDISAN  [Internet]. 2009  Jun [citado  2018  Dic  19] ;  13( 3 ). Disponible en: http://scielo.sld.cu/scielo.php?script=sci_arttext&;pid=S1029-30192009000300010&lng=es.
  • Tarlan, B., & Kiratli, H. (2013). Subconjunctival hemorrhage: risk factors and potential indicators. Clinical ophthalmology (Auckland, N.Z.)7, 1163-70.