Josefa Feitosa, uma avó diferente das demais

Assim que se aposentou, Josefa comunicou à família que iria mudar o seu estilo de vida e conhecer o mundo.
Josefa Feitosa, uma avó diferente das demais

Última atualização: 05 Outubro, 2021

As avós são figuras extremamente importantes para muitos de nós, mas nem sempre os filhos conseguem entender os deveres e obrigações que elas possuem. Alguns extrapolam os limites do que deveria ser apenas “uma ajudinha”.

Muitas avós já estão aposentadas e já viveram o suficiente para criar seus filhos. Agora seria o momento do descanso, de aproveitar a tranquilidade de um dever cumprido e a realização de sonhos antigos.

Mas Josefa Feitosa, também conhecida como Jô, é uma avó muito diferente das tradicionais. A sua vida pós-aposentadoria é bem diferente daquela que ela levava até 2016, quando trabalhava como assistente social no sistema prisional do Ceará e vivia uma rotina de ameaças, por causa da sua atuação na defesa de mulheres transexuais.

De acordo com uma matéria do G1, Josefa, divorciada após um relacionamento conturbado, mãe de três filhos e avó de um neto, resolveu se desfazer de casa, móveis e roupas para conhecer o mundo. Tudo o que ela tem agora cabe dentro de uma mala.

Josefa Feitosa

Josefa Feitosa: “As avós não foram feitas para cuidar de netos”

Jô explica que não acha justo que as avós tenham que receber seus filhos e netos em casa quando seus relacionamentos não dão certo. Embora seja uma mãe dedicada e presente, acredita que as avós não foram feitas para cuidar dos netos.

Ela poderia ter escolhido viver tranquilamente ao lado dos filhos e netos, mas resolveu tomar uma decisão que era um grande sonho antigo: partir em uma viagem pelo mundo para conhecer os mais diferentes lugares.

Josefa tem orgulho das suas escolhas e compartilha todas as suas aventuras no Instagram. Além disso, quer se tornar uma fonte de inspiração para pessoas mais velhas que têm medo de viajar. Ela começou pelo Brasil, conhecendo estados como Pará, Amazonas, Paraná e São Paulo. Atualmente, já visitou mais de quarenta países e não pensa em parar.

Jô Feitosa

A vida de uma avó viajante

“Nada de muito luxo ou muita bagagem para viajar. A minha filosofia é a de viver com o necessário para estar bem. Não pago excesso de nada, eu também não compro nada, porque eu não tenho mais casa, não tenho mais necessidade de ter tanta roupa. O consumismo para mim não rola mais”.

Lilith Feitosa, filha caçula de Jô, disse que ficou muito surpresa quando soube que a mãe estava embarcando em sua aventura pelo mundo. O mais natural é que os filhos saiam de casa, mas ela enxerga essa decisão como uma grande reinvenção.

Josefa está convencida da sua escolha e quer motivar todas as pessoas da sua idade a viajar sem medo, contando as suas aventuras nas redes sociais.

A sua história é certamente uma inspiração para muitos homens e mulheres com famílias, mostrando que eles podem sim se dedicar aos seus próprios sonhos, pois são muito mais do que “avôs” e “avós”.

Pode interessar a você...
Os avós não morrem, seguem vivendo em nossos corações
Melhor Com Saúde
Leia em Melhor Com Saúde
Os avós não morrem, seguem vivendo em nossos corações

Os avós seguem vivendo em nossos corações por todas as lições, carinhos e lembranças que nos presentearam em vida. Eles são essenciais para nossa v...