Encefalite: sintomas, causas e tratamento

A encefalite costuma causar febre, dor de cabeça e fadiga. Pode levar ao coma e até à morte. É uma patologia muito grave que, infelizmente, atinge crianças menores de um ano com maior frequência.
Encefalite: sintomas, causas e tratamento

Última atualização: 14 Fevereiro, 2021

A encefalite é uma doença que consiste na inflamação do cérebro e tem diversos sintomas. É uma patologia que costuma ser causada por uma infecção viral, embora possa ter muitas outras causas. Na verdade, na maioria das vezes é uma complicação de outras doenças infecciosas.

Felizmente, a encefalite é rara. Nos últimos anos, sua incidência foi reduzida significativamente graças à vacinação. Ainda assim, a população mais afetada são as crianças.

Estima-se que ocorram entre 5 e 10 casos a cada 100.000 crianças. Infelizmente, a maioria deles ocorre durante o primeiro ano de vida. É uma situação complicada que coloca em risco a vida dos afetados.

Tanto as causas quanto os sintomas podem ser confundidos, e o diagnóstico precoce é essencial. Portanto, neste artigo explicaremos em que consiste a encefalite, e compartilharemos quais são as suas causas, sintomas e tratamento.

O que causa a encefalite?

Como já mencionamos, a encefalite consiste na inflamação do tecido cerebral. É uma patologia que pode ter múltiplas causas, embora a grande maioria dos casos seja causada por um vírus. No entanto, também pode ser uma infecção bacteriana.

Quando a infecção ocorre diretamente no cérebro, é chamada de encefalite primária. Porém, pode ser que a infecção comece em outra parte do corpo e, devido à migração, acabe afetando o cérebro: é a encefalite secundária.

Em crianças, os vírus diretamente implicados são a rubéola, o sarampo e a caxumba. Felizmente, existem vacinas contra esses agentes. Outras causas são:

  • Vírus do herpes: tanto o herpes simples quanto o Epstein-Barr e a varicela podem causar a doença.
  • Vírus da raiva: geralmente transmitido por mordidas de animais.
  • Enterovírus: como o poliovírus.
  • Meningite bacteriana: se não tratada adequadamente.
  • Parasitas.

É importante ressaltar que a encefalite em si não é uma doença contagiosa. O que deve ser levado em consideração é a causa que a provocou. Além disso, como mencionamos antes, ela pode ser o resultado de outros processos, como o câncer.

O tecido cerebral é o alvo da encefalite
O tecido cerebral é o alvo da encefalite.

Quais são os sintomas da encefalite?

Como na maioria das vezes ela é causada por vírus, os sintomas iniciais podem ser muito inespecíficos. Por exemplo, é típico que haja fadiga, dores musculares e dor de cabeça. Além disso, ela também causa febre com frequência

Quando a patologia progride, os sintomas costumam se tornar mais intensos. Pode haver convulsões, perda de consciência e até dificuldade para falar. Algumas pessoas também podem perder a sensibilidade em algumas áreas do corpo.

Pode ser muito difícil avaliar os sintomas em bebês. As crianças costumam ficar irritadas, vomitar e não se alimentar adequadamente. Nos casos mais graves, o paciente pode entrar em coma. Se não for tratada, a encefalite leva à morte.

O diagnóstico precoce da encefalite pode salvar vidas
O diagnóstico precoce da encefalite pode salvar vidas.

Qual é o tratamento para a encefalite?

Para diagnosticar a doença, são necessários diferentes exames. Primeiro, exames de sangue e urina são essenciais. Eles permitem orientar o diagnóstico e as possíveis causas.

Normalmente, uma ressonância magnética ou tomografia computadorizada é feita para observar o cérebro. Às vezes, é necessária uma punção lombar para extrair o líquido cefalorraquidiano que, quando analisado em laboratório, pode confirmar a causa.

Para tratar a encefalite, o primeiro passo é manter a pessoa estável e em repouso. O tratamento inclui medicamentos analgésicos, como o paracetamol, e anti-inflamatórios não esteroides (AINEs).

O que fazer diante dos sintomas?

Embora em crianças esta seja uma patologia de difícil diagnóstico, alguns sinais podem orientar a suspeita. Em adultos, fique atento à presença de forte dor de cabeça e febre, além de alguma alteração nas funções cognitivas.

Existem alguns vírus da encefalite para os quais existe um tratamento específico. No entanto, este nem sempre é o caso. É muito importante que, diante de qualquer sintoma, você consulte um médico. A encefalite é perigosa e pode causar a morte.

Pode interessar a você...
Acidente vascular cerebral (AVC): causas e tratamento
Mejor con SaludLeerlo en Mejor con Salud
Acidente vascular cerebral (AVC): causas e tratamento

Um acidente vascular cerebral (AVC) pode ser desencadeado por diferentes causas. Apesar de ter diferentes técnicas de tratamento, é sempre melhor prevenir.