Dicas para acabar com o mau cheiro das axilas

· 15 de setembro de 2014
A alimentação está muito relacionada com o mau odor das axilas. Substitua alimentos fortes como o alho, o café e o álcool por frutas e verduras.

A primeira coisa que se deve saber sobre o mau cheiro nas axilas é que não se origina precisamente de uma má higiene. Em muitas ocasiões, o problema está relacionado com fatores glandulares ou hormonais.

O mau cheiro nas axilas costuma ser incômodo e desagradável, tanto para quem o possui quanto para as pessoas ao redor.

Mas o mais importante é que esse mau cheiro pode ser tratado naturalmente, com alternativas que se aplicadas diariamente podem, pouco a pouco, minimizar a transpiração. Ao mesmo tempo, você também pode deixar de fazer algumas coisas que podem causar o mau cheiro.

Neste artigo, trazemos várias recomendações gerais para evitar essa situação tão incômoda. Confira!

Dicas para acabar com o mau cheiro nas axilas

Lave muito bem as axilas

Não é à toa que essa é a primeira dica. Afinal, ela é a mais importante. Mesmo que o caso de muitas pessoas não seja esse, ainda assim utilizar o sabonete e higienizar muito bem a região é o primeiro passo.

Alguns sabonetes têm um aroma muito acentuado. Assim, em vez de proporcionarem um bom cheiro, fazem com que você transpire mais rápido. Consequentemente, o cheiro piora. Portanto, a recomendação é utilizar um sabonete neutro.

Leia também: Como preparar um sabonete natural para combater infecções vaginais

Tenha certeza de que não sobraram resíduos

Esse é outro dos motivos pelos quais é importante lavar muito bem as axilas. O objetivo é eliminar qualquer resíduo de desodorante ou de sabonete, pois podem fazer com que fungos e bactérias se proliferem.

É possível preparar um remédio natural para garantir que as axilas fiquem limpas e sem cheiro após o banho. Anote: prepare uma mistura de vinagre com álcool. Após o banho, usando um pano, passe em toda a região. Para dar um efeito melhor, use a receita à noite também.

Use bicarbonato

mau cheiro nas axilas

O bicarbonato, geralmente, é utilizado para combater cheiros ruins. Por isso, primeiro, lave muito bem as axilas. Se ainda estiverem com um cheiro ruim, aplique um pouco de bicarbonato em pó usando um algodão.

Caso o produto não irrite nem incomode, o ideal usá-lo durante todo o dia. Outra dica eficiente é misturar uma colher de sopa de bicarbonato com o suco de um limão e aplicar depois do banho. O efeito será muito eficaz.

Se for caso de suor excessivo

Diversas situações podem causar o mau cheiro nas axilas, e o suor excessivo é uma delas. Prepare uma infusão com folhas de tomilho ou alecrim e aplique nas axilas. Isso ajudará a controlar a hiperidrose – sudoração crônica – que geralmente causa esse problema e afeta as relações pessoas e atividades diárias das pessoas.

A babosa também pode controlar a sudoração excessiva. Para isso, basta aplicar um pouco do gel de babosa na região, de preferência à noite para que se obtenha um efeito melhor.

Leia também: Como tratar a sudoração excessiva com 5 remédios naturais

Outra alternativa é o tomate, que também ajuda a diminuir o excesso de suor. Para isso, aplique o suco de um tomate (liquidificado) nas axilas e deixe agir por alguns minutos.

Na hora de escolher a roupa

mau cheiro nas axilas

Essa é uma informação que muitas pessoas desconhecem. Mas existem alguns tecidos ou cores que podem nos fazer suar mais, o que termina em mau cheiro.

Por exemplo, pessoas que já têm antecedentes de mau cheiro nas axilas devem evitar usar roupas muito apertadas, pois elas impedem que a pele respire de forma adequada. Também devem evitar roupas de tecidos sintéticos. Logo, é melhor optar por aquelas feitas de tecidos naturais.

Além disso, as cores também são um fator importante. Por exemplo, o preto, apesar de emagrecer mais, também faz com que suemos além do normal.

Ter uma boa alimentação

Mesmo que normalmente esse fator não seja considerado, a alimentação também tem muito a ver com o mau cheiro nas axilas.

Por exemplo, comer frequentemente cebola, alho, café e consumir bebidas alcoólicas fará com que o cheiro do suor se torne muito mais forte. Entretanto, ao optar por frutas e verduras, será possível amenizar isso.

O mesmo serve para o cigarro, já que ele destrói a pele e leva o organismo a produzir um suor com cheiro mais desagradável.

Depile as axilas

Além de ser esteticamente desagradável, manter pelos nas axilas é uma das grandes causas de mau cheiro.

Isso porque essa condição permite a proliferação de fungos e bactérias, que como já mencionamos, é a principal causa do problema.

Use um antitranspirante ao invés de um desodorante

mau cheiro nas axilas

Os desodorantes só servem para encobrir o mau cheiro impregnado na pele, eles não combatem realmente a sudoração excessiva. Em contrapartida, o antitranspirante controla o excesso de suor e o mau cheiro.

Entretanto, o ideal seria revezar o uso, uma vez que o antitranspirante usado constantemente pode trazer problemas de saúde.