Dente de leão: contribuições para a atividade hepática

O dente de leão se destaca por suas propriedades depurativas. No entanto, se estivermos seguindo qualquer tratamento médico devemos consultar o especialista antes de tomá-lo, caso haja alguma contraindicação.

Embora o dente de leão seja considerado uma erva daninha, possui importantes propriedades diuréticas.

Deve-se notar que tem sido proeminente na medicina e também na atividade culinária, no uso de saladas.

Você pode aproveitar seus benefícios medicinais para tratar uma ampla variedade de afecções digestivas e renais.

Propriedades medicinais do dente de leão

Infusão de dente de leão

  • Graças aos seus componentes, esta planta fornece bons nutrientes para o organismo. Também possui excelentes propriedades de limpeza, ajudando a eliminar os líquidos retidos.
  • O dente de leão ajuda a estimular a secreção na bílis, melhorando os distúrbios digestivos. Suas propriedades laxativas são muito eficazes em casos de digestão lenta e constipação.
  • Por outro lado, o dente de leão é um excelente estimulante, o que ajuda a melhorar a atividade no sistema renal. Os componentes desta planta ajudam a tratar os problemas causados ​​pelo excesso de ácido úrico e gota.

O consumo da planta tem sido usado para a eliminação de pedras nos rins.

  • O dente de leão também é rico em ferro, por isso sua contribuição para o corpo é consideravelmente boa. Além disso, ajuda a limpar o sangue e libera as toxinas do corpo, melhorando seu desempenho.

Leia também:Combata as pedras nos rins com chá de gengibre e açafrão

Dente de Leão para o fígado

Esta planta tem um sabor amargo, o que faz com que o fígado seja estimulado e ajuda na desintoxicação hepática. É muito útil para pacientes com hepatite ou cirrose.

Como já havíamos indicado, por ter propriedades depurativas, serve para limpar o sangue e, assim, proteger o fígado de uma possível degeneração causada por intoxicação alimentar ou química.

Seu uso medicinal também tem sido usado em pacientes com cirrose. A maioria dos casos apresentados é de pessoas que abusam do consumo de álcool, causando uma degeneração no fígado.

Recomenda-se beber chá de dente de leão de duas a três vezes por dia.

Como purificar o fígado com dente de leão?

Dente de leão ajuda a proteger o fígado

É um dos principais elementos recomendados no momento de aliviar problemas no fígado. Seu uso é geralmente complementar a outros tratamentos do fígado. No entanto, eles não serão eficazes se o consumo de álcool ou tabaco não for evitado.

Em geral, recomenda-se usá-lo como tratamento complementar após tratamento com medicamentos anti-inflamatórios em casos de problemas hormonais, ou de excesso de peso.

Prepare um chá quente com dente de leão; a água fervente ajudará a extrair suas propriedades mais importantes.

Efeitos secundários

O uso do dente de leão por um período de quatro meses não é recomendado, pois pode ter repercussões para a pele.

  • Em casos comuns de abuso, houve casos de alergia ou sensibilidade no caso de exposição de ao sol.
  • Outros casos não muito comuns são a presença de diarreia ou dor de estômago.

Últimas considerações

Dente de leão ajuda a controlar o peso

Você pode dar usos ao dente de leão como complemento para as suas saladas, pois ele irá ajudá-lo a melhorar os problemas de fígado que possa apresentar.

Além disso, você pode preparar infusões de água quente com hastes da planta para limpar o organismo.

Como já foi dito, é um bom estimulante para melhorar a digestão e também ajuda os rins a combater vários desconfortos. É essencial o consumo responsável e não exagerar nas doses.

Apesar de ser um incômodo para aqueles que querem um jardim livre de ervas daninhas, o dente de leão pode trazer uma funcionalidade muito agradável.

Em caso de alterações devido ao seu uso, consulte o seu médico. Não o consuma como medicamento principal, mas como suplemento de algum tratamento fornecido por um especialista.

Você pode ajudar a si mesmo adotando hábitos saudáveis, como fazer exercícios ou caminhar com mais frequência. Quando nós suamos, nosso corpo libera toxinas de que não precisa, além de ajudar na queima de gorduras.

Sendo assim, você pode desfrutar do ar livre enquanto coleta dentes  de leão para fervê-los e usá-los em seu tratamento. 

Recomendados para você