Óleo de hortelã: como fazer e quais são seus benefícios para a saúde

30 de novembro de 2018
Não se esqueça de tampar a panela em que estiver preparando a hortelã-pimenta para que todas as suas propriedades se concentrem e sua essência natural não escape.

Você sabe todos os benefícios que o óleo de hortelã proporciona? Aparentemente, ele dispõe de múltiplas aplicações tanto para a beleza quanto para o organismo. Dor de cabeça, inflamações… trata-se de uma fórmula natural tão antiga e saudável que vale a pena ter sempre em casa.

Neste artigo mostramos como você pode prepará-lo em casa da maneira mais simples possível. Você irá adora e será de grande ajuda!

Quais os benefícios do óleo de hortelã?

Quais os benefícios do óleo de hortelã?

1. Aplicações do óleo de hortelã na área da cosmética

  • É perfeito para regular a produção de acne e gordura. Umedecido em um algodão pode ajudar a melhorar o aspecto da pele, caso você tenha, por exemplo, marcas de acne.
  • Um bom tonificante. Perfeito para realizar massagens nas áreas com celulite.
  • Ideal para fazer massagens nas pernas, caso estejam cansadas ou com varizes.
  • Regula a retenção de líquidos.
  • Pode servir para eliminar a caspa. Com o cabelo úmido, faça uma leve massagem, deixe agir por um tempo e depois enxague com água morna e lave normalmente.
  • Pode servir como um excelente desodorante.
  • Pode ser um repelente adequado e muito efetivo para piolhos nas crianças.

Leia também: Óleos essenciais para se acalmar

2. Aplicações do óleo de hortelã para a saúde

  • Ajuda a aliviar a dor de cabeça. Aplicado com uma compressa fria, ajuda a reduzir a incidência das cefaleias tensionais.
  • Também pode ajudar se você tem enxaquecas.
  • Alivia as inflamações.
  • Serve de analgésico, por exemplo, para pancadas.
  • Ajuda a tratar queimaduras leves.
  • Baixa a febre e estimula a transpiração.
  • O óleo de hortelã tem como principal propriedade o fato de ser ideal para reduzir as dores musculares e, inclusive, problemas de reumatismo.
  • Você costuma chegar em casa com dores nos pés? Você os nota inchados, inflamados e cansados? Então nada melhor do que uma bacia de água quente com 10 gotas de óleo de hortelã.
  • O óleo de hortelã é um remédio básico para todos os problemas relacionados com o sistema respiratório (bronquite, rouquidão, gripes, resfriados…). Você pode fazer vaporizações ou massagens no peito.
  • Ideal para picadas de insetos.
  • Alivia a tensão pré-menstrual. Você pode fazer massagens na barriga ou aplicar um pano úmido com óleo de hortelã.
  • Serve como um refrescante eficaz em caso de queimaduras de sol.
  • Outra de suas propriedades é a de estimular o sistema nervoso e combater a fadiga mental.
  • Aumenta a vitalidade se, por exemplo, você pingar algumas gotinhas em seu quarto como se fosse um ambientador.

Como fazer o óleo de hortelã em casa?

Como fazer o óleo de hortelã em casa?

Ingredientes

  • 350 g de hortelã fresca (Menta piperita).
  • 200 ml de óleo base. Você pode escolher entre o óleo de amêndoas ou o azeite de oliva.
  • Um frasco de vidro escuro de 250 ml.

Pode te interessar: 6 benefícios do óleo de amêndoas para a saúde

Modo de preparo

Primeiro passo

Em primeiro lugar, você deve pegar a hortelã pimenta (Menta piperita). Será perfeito se você tiver suas próprias plantas em casa ou se as encontrar no mercado. Uma vez que você o tenha, é necessário lavá-la bem com água fresca, folha por folha, para se livrar de quaisquer impurezas. Lembre-se que ela terá uma aplicação direta sobre a pele e precisamos que esteja bem limpa.

Segundo passo

Depois, esmague as folhas de hortelã. Você pode utilizar uma colher. Faça-o com força, já que desta forma ficam espremidas e forçamos a planta a liberar seu suco. Você sentirá um cheiro muito bom.

Terceiro passo

Em seguida, vamos ao fogo. Coloque 200 ml de óleo em uma panela. O fogo deve estar baixo. Adicione também a hortelã esmagada, mexa e permita que ela vá se desfazendo em fogo baixo. Cubra a panela para que a essência natural da hortelã-pimenta não escape. Deixe por meia hora, sempre a uma intensidade muito baixa.

Quarto passo

Depois de meia hora, desligue o fogo e deixe descansar. Agora vamos direto para o recipiente, para o frasco de vidro escuro. Use uma boa peneira e despeje o óleo de hortelã no recipiente, livre das folhas.

Quinto passo

Para terminar, você tem que deixar em um lugar fresco, que não haja sol.

Sexto passo

Finalmente, tenha paciência. Você terá que esperar cerca de 10 dias para que o óleo de hortelã termine de desenvolver todas as suas propriedades. Além disso, você deve se lembrar de virar a garrafa a cada doze horas. Dessa forma, integrando melhor todos os elementos.

Alternativa: álcool de hortelã

Muitas pessoas, em vez de preparar óleo de hortelã, fazem álcool de hortelã. É mais eficaz para problemas musculares e reumáticos e também para curar feridas. Se você estiver interessado, neste caso, o que faremos será simplesmente colocar as folhas de hortelã-pimenta com uma garrafa de álcool de 95°. Coloque-o em um recipiente hermético e deixe-o descansar em um lugar escuro e fresco por 15 ou 20 dias. Após esse período, filtre o conteúdo e fique apenas com álcool. É realmente medicinal e nos ajuda a aliviar dores musculares e reumáticas. Realmente muito útil!

  • Allama, S., Kruegera, D., Demirb, I. E., Ceyhanb, G., Zellerc, F., & Schemanna, M. (2015, November 15). Extracts from peppermint leaves, lemon balm leaves and in particular angelica roots mimic the pro-secretory action of the herbal preparation STW 5 in the human intestine. Phytomedicine, 22(12), 1063-1070sciencedirect.com/science/article/pii/S0944711315002536
  • Cash, B. D., Epstein, M. S., & Shah, S. M. (2015, August 29). A novel delivery of peppermint oil is an effective therapy for irritable bowel syndrome symptoms. Digestive Disease and Sciences link.springer.com/article/10.1007%2Fs10620-015-3858-7
  • Meamarbashi, A. (2014). Instant effects of peppermint essential oil on the physiological parameters and exercise performance. Avicenna Journal of Phytomedicine, 4(1), 72-78 ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4103722/
  • Oh, J. Y., Park, M. A., & Kim, Y. C. (2014). Peppermint oil promotes hair growth without toxic signs. Toxicological Research, 30(4), 297-304ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4289931/
  • Thosar, N., Basak, S., Bahadure, R. N., & Rajurkar, M. (2013). Antimicrobial efficacy of five essential oils against oral pathogens: An in vitro study. European Journal of Dentistry, 7(1), S71-S77 doi.org/10.4103/1305-7456.119078