Como curar e tratar a cistite com remédios caseiros?

· 23 de junho de 2014
A cistite é um problema que afeta muitas mulheres. Neste artigo, falaremos sobre conselhos e remédios eficazes para tratá-la e aliviá-la.

A cistite é uma infecção de origem bacteriana no sistema urinário, sendo mais frequente nas mulheres, que sofrem deste problema ao menos uma vez na vida. Conheça neste artigo a como curar e tratar a cistite com remédios caseiros.

O que saber sobre a cistite?

A cistite afeta mais as mulheres pelo fato da uretra feminina ser mais curta que a masculina, por isso, as bactérias (Escherichia coli, estafilococos, estreptococos ou trachomatis) percorrem uma distância menor a partir da pele.

Os sintomas mais comuns da cistite são:

  • Dores agudas e pulsantes no abdômen
  • Micção frequente
  • Sensação de queimação ou ardor ao urinar
  • Febre

tratar a cistite com remédios naturais

  • Calafrios
  • Mal-estar geral

As causas mais comuns da cistite são:

  • Uso de métodos contraceptivos externos como diafragma, preservativos e géis espermicidas
  • Feridas na uretra produzidas por uma relação sexual prolongada ou enérgica
  • Mudanças hormonais causadas pela gravidez ou menopausa
  • Não urinar quando se tem a necessidade de fazê-lo (“segurar o xixi” por muito tempo)
  • Prostatite

Recomendações para tratar a cistite

  • Beba muito líquido: diante do primeiro sinal ou sintoma da infecção, é necessário beber pelo menos um copo de água de hora em hora. Assim, você limpará a bexiga e expulsará dela o que estiver causando a doença e ajudará a tratar a cistite.

beber muita água para tratar a cistite

  • Não espere muito para ir ao banheiro quando sentir a necessidade de urinar: isso ocorre porque a bexiga se ressente porque deve se estender para poder oferecer mais espaço ao excesso de urina. Assim, ela não tem força suficiente para expulsar a urina e os germes “aproveitam” para ficar no sistema urinário.
  • Aplique calor na região: debaixo do abdômen, quando doer muito, é uma boa ideia colocar uma compressa quente ou uma bolsa térmica.
  • Faça banhos de assento: caso a sensação de ardor ou queimação for muito forte, realize um banho morno de assento para aliviar as dores. As mulheres grávidas não podem fazer esse procedimento muitas vezes durante a gestação, pois pode causar um aborto.
  • Mantenha a higiene ao ter relações sexuais: seu companheiro deve estar bem higienizado em suas partes íntimas antes do ato sexual. O mesmo serve para você.
  • Use roupa íntima de algodão: as mulheres principalmente, porque estão em mais contato com a roupa íntima. A roupa menos justa permite que as partes íntimas “respirem” e ao mesmo tempo fiquem mais secas. Para os homens, é melhor que usem cuecas do tipo short (também chamadas de cuecas “box”).
  • Evite a bebida alcoólica: ela é irritante para as vias urinárias, portanto, se você tiver cistite com frequência ou estiver sofrendo dela agora, o melhor é que não consuma álcool.

Evite bebidas alcoólicas para tratar a cistite

  • Mude o método contraceptivo: o diafragma que as mulheres usam comprime o colo cervical e o machuca, o que provoca uma inflamação que não permite que a urina passe corretamente. Os géis espermicidas também podem causar distúrbios nos mecanismos de defesa da bexiga, o que permite que as bactérias sobrevivam e se transfiram para ela.
  • Trate as infecções na bexiga: se você sofre destas infecções constantemente, é preciso que anote em um caderno e identifique as causas que possam estar provocando a cistite. Assim você poderá descobrir o que está desencadeando o problema.
  • Tenha muito cuidado com a sua higiene íntima: não use desodorantes ou sabonetes vaginais, assim como você também deve evitar as duchas muito quente e prolongadas.
  • Visite o médico se você tiver um histórico clínico na sua família de problemas nos rins, se você for diabético, estiver gravida, sofrer de tremores ou vômitos, tiver febre, urinar com sangue, sofrer de pressão alta, tiver mais de 50 anos (nos homens) ou suspeitar que possa ter uma doença sexualmente transmissível.

Descubra: 5 infusões naturais para combater a cistite

Remédios populares para tratar a cistite

  • Beba um copo de água com duas colheres de mel de abelha puro ou duas colheres de vinagre de maçã com cada refeição.
  • Coma três dentes de alho cru por dia.
  • Ingira duas vezes ao dia um copo de água com uma colher de bicarbonato de sódio.
  • Beba uma infusão de salsa, preparada com duas colheres desta planta com água fervente por 10 minutos.

Remédios populares para a cistite

  • Consuma quatro colheres de raiz de Alteia. Deixe de molho durante toda a noite em um litro de água. Beba durante o dia.
  • Lave 500 g de cereja (sem tirar o cabo) e coloque em banho-maria. Cozinhe até que fiquem macias e prepare uma espécie de purê. Retire os caroços para cortá-las melhor e volte a colocar em um recipiente. Ferva mais um pouco até que se converta tudo em uma polpa. Acrescente 250 g de açúcar mascavo e siga cozinhando até conseguir um xarope. Guarde em um recipiente seco e tampe hermeticamente. Tome uma colher por dia.
  • Ferva duas colheres de camomila com 3 dentes de alho cru em um litro de água por uns 10 minutos. Retire do fogo, deixe esfriar e depois coe. Faça uma lavagem na região vaginal antes de dormir para tratar a cistite.
  • Beba três copos de suco de mirtilo por dia, pois esta fruta tem uma substância que não permite que as bactérias se fixem nas paredes das vias urinárias e serão expulsas pela urina.
  • Prepare um caldo com 4 cebolas e um litro de água e beba ao longo do dia.

Imagens cortesia de US Pacific Air Force Ces, Lara 604, Department of Foreign, Ben Scholzen, Larry Hoffman, Varchar N.