Cistos nos dentes

Na maioria dos casos, os cistos nos dentes não são um problema sério. No entanto, podem aumentar de tamanho e causar complicações. Saiba mais a seguir.
Cistos nos dentes

Última atualização: 08 Abril, 2021

Um cisto dentário, também chamado de cisto odontogênico, é uma alteração benigna que se forma adjacente a um dente. Os cistos nos dentes costumam ser fáceis de solucionar e, ocasionalmente, danificam o dente. Por isso, é necessário tratá-los.

São cavidades que podem ser preenchidas com material líquido ou sólido e cobertas por uma camada escamosa. Apesar de serem lesões benignas, com o passar do tempo podem aumentar de tamanho, o que pode causar deformidade na área ou até mobilidade nos dentes.

Portanto, sempre é necessário iniciar um tratamento. Além disso, após a descoberta de um cisto dentário, é muito importante determinar de que tipo de cisto se trata e descartar a possibilidade de que seja um tumor.

Tipos de cistos nos dentes

Podemos distinguir dois grupos principais de cistos nos dentes: cistos de desenvolvimento e cistos inflamatórios. No primeiro caso, os restos epiteliais se proliferam devido a estímulos que não foram identificados. Já os inflamatórios surgem no epitélio inferior devido a estímulos inflamatórios. Vamos saber mais sobre este tema.

Dentista examinando dentes
Os cistos nos dentes podem ser de desenvolvimento ou inflamatórios. Alguns ocorrem em dentes que ainda não irromperam, e outros em pacientes que sofreram de doenças como a periodontite.

Cistos de desenvolvimento

São alterações que ocorrem nos dentes que ainda não irromperam ou estão retidos. Entre eles, podemos encontrar diferentes tipos:

  • Cistos gengivais: são caroços que aparecem na gengiva.
  • Cistos dentígeros: tipo de cisto que circunda apenas a coroa do dente.
  • Cistos de erupção: ocorrem na gengiva durante a erupção do dente, e se resolvem após o seu nascimento.
  • Cisto periodontal lateral: aparecem na lateral da raiz de um dente, e são detectados por raios-X.

Cistos inflamatórios

São causados ​​por uma infecção anterior, como a periodontite. Encontramos dois tipos:

  • Cisto radicular:  localizado no ápice da raiz do dente, é o mais comum deste grupo.
  • Cisto parenteral: localizado na frente ou atrás do dente afetado.

Sintomas dos cistos nos dentes

Os sintomas podem variar muito, e alguns pacientes não os apresentam. Se o cisto aumentar de tamanho com o tempo, pode deslocar ou até mesmo causar a queda de alguns dentes.

Por isso, é necessária a realização de visitas periódicas ao dentista para o controle de possíveis patologias, uma vez que somente com o controle radiográfico pode-se constatar sua presença.

Tratamento

O tratamento normal desse tipo de patologia é a retirada do cisto, evitando a necessidade de extração do dente afetado. Se o cisto estiver aderido ao dente, o tratamento deve ser avaliado dependendo de cada caso.

Pode ser necessária a endodontia ou extração dentária. O tratamento endodôntico sempre será tentado primeiro, por ser o mais conservador e para que o paciente possa continuar mantendo a peça na boca.

Examinar os dentes
Para combater os cistos dentários, um tratamento de canal pode ser sugerido. No entanto, em casos graves, pode ser necessário remover o dente.

Remoção dos cistos dentários

A remoção do cisto é um tratamento ambulatorial realizado sob anestesia local em aproximadamente 45 minutos. É necessária uma limpeza completa do cisto para que ele não volte, podendo provocar um cisto maligno. Existem diferentes procedimentos para a limpeza do cisto: 

Depois que o cisto é removido, aquele espaço vazio se preenche de osso, ossifica, e cura sem nenhum problema. Se o cisto for maligno, ou corresponder a um tumor, o tratamento deve ser diferente. Nesse caso, é necessária uma limpeza profunda da área, com uma margem de segurança suficientemente ampla.

It might interest you...

4 óleos que ajudam a acalmar a sensibilidade dos dentes
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
4 óleos que ajudam a acalmar a sensibilidade dos dentes

A sensibilidade nos dentes é um problema que afeta inúmeras pessoas. Alguns remédios à base de óleos vegetais podem aliviar.



  • Briki S, Elleuch W, Karray F, Abdelmoula M, Tanoubi I. Cysts and tumors of the jaws treated by marsupialization: A description of 4 clinical cases. J Clin Exp Dent. 2019;11(6):e565–e569. Published 2019 Jun 1. doi:10.4317/jced.55563
  • Menditti D, Laino L, DI Domenico M, et al. Cysts and Pseudocysts of the Oral Cavity: Revision of the Literature and a New Proposed Classification. In Vivo. 2018;32(5):999–1007. doi:10.21873/invivo.11340
  • Demirkol M, Ege B, Yanik S, Aras MH, Ay S. Clinicopathological study of jaw cysts in southeast region of Turkey. Eur J Dent. 2014;8(1):107–111. doi:10.4103/1305-7456.126260
  • Aswath N, Mastan K, Manikandan T, Samuel G. Odonto calcifying cyst. Contemp Clin Dent. 2013;4(1):108–111. doi:10.4103/0976-237X.111629