9 alimentos ricos em ferro recomendados para a anemia

6 de novembro de 2019
O consumo desses alimentos em uma dieta equilibrada e um estilo de vida saudável, em geral, pode te ajudar a melhorar sua saúde, mas lembre-se de que você sempre deve seguir as orientações do seu médico.

A anemia é um transtorno causado pela diminuição da quantidade de hemoglobina no sangue, que ocorre principalmente pela falta de ferro ou uma má absorção deste componente.

Este transtorno de saúde é um dos mais comuns em matéria de nutrição e pode levar ao desenvolvimento de diversos problemas de saúde que, em certos casos, podem ser bastante graves. No entanto, pode ser tratado de diversas maneira, começando pela alimentação.

Além de ser causada pela deficiência de ferro, a anemia pode surgir por falta de ácido fólico e vitamina B12, ou também por fatores hereditários das células sanguíneas e inclusive doenças crônicas. Nesta lista, podemos conferir os diferentes tipos de anemia que uma pessoa pode apresentar.

Também pode ser causada por uma perda significativa de sangue, como, por exemplo, após o parto, ou por um aumento das necessidades de ferro, como acontece na gravidez. Outras causas possíveis são a diminuição na produção de glóbulos vermelhos ou o aumento de sua destruição, como acontece em algumas doenças

Os especialistas descobriram que uma boa alimentação, rica em todo tipo de nutrientes e balanceada, é essencial tanto para a prevenção quanto para o tratamento da anemia. De fato, a alimentação complementaria e reforçaria o tratamento indicado pelo médico, assim como ratificado nesta publicação da Sociedade Espanhola de Cardiologia.

Antes de realizar mudanças em sua dieta ou aumentar o consumo dos seguintes alimentos, você deve consultar seu médico. Além disso, o tratamento profissional será a melhor maneira de prevenir complicações graves causadas por um quadro de anemia de qualquer tipo.

1. Espinafre contra a anemia

As folhas de espinafre são muito conhecidos por seu alto teor de: ferro, cálcio, vitaminas A, B9, C e E, betacaroteno e fibras. Todos esses nutrientes, em conjunto, tornam o espinafre um dos melhores alimentos para combater a anemia.

Possui, aproximadamente, 4,1 mg de ferro a cada 100 g. Por isso, é recomendável consumir uma porção de 200 gramas de espinafre por dia, para obter aproximadamente 20% dos nutrientes de ferro. Além disso, também é recomendável priorizar a ingestão de outros vegetais de folhas verdes, como brócolis, couve-galega e agrião.

2. Proteínas de origem animal

Os alimentos de origem animal representam a maior fonte alimentar de ferro, pois contêm ferro tipo heme que é melhor absorvido do que os alimentos de origem vegetal. Por isso, quando se trata de combater a anemia, é recomendável o consumo regular de mariscos, peixes azuis, entre outros alimentos do tipo.

3. Aveia

A aveia, assim como a cevada, o arroz e o trigo, é um cereal rico em ferro. No supermercado, é possível encontrar uma aveia ‘fortificada’ que tem um teor extra de vitaminas do grupo B, que é mais benéfico em caso de anemia.

No Hospital Infantil Lucile Packard de Stanford, recomenda-se consumir aveia diariamente para aumentar os níveis de ferro no organismo. Esse cereal é muito poderoso, visto que com apenas duas colheres de sopa de aveia é possível obter até 4,5 mg de ferro.

4. Amendoim

O amendoim é um fruto seco que também pode ajudar a combater a anemia. O ideal é que o paciente procure comer um punhado de amendoim por dia, já que esse alimento está entre os mais destacados em relação ao seu teor de ferro.

E embora a manteiga a partir desse fruto seco não deva ser sempre a primeira opção, também pode ser aproveitável. Entretanto, é preciso esclarecer que os benefícios não serão iguais aos proporcionados pelo consumo do alimento ao natural.

Na verdade, o amendoim é mais uma leguminosa que um fruto seco. Proporciona 2 mg de ferro a cada 100 g. Também, entre outras coisas, tem muita fibra e vitaminas do grupo B.

5. Ovos

Ovos para combater a anemia

Assim como se deve aumentar o consumo de carne e dos alimentos mencionados anteriormente para ajudar a tratar a anemia, também se deve aumentar o consumo de ovo, visto que é um alimento rico em minerais, como o ferro e o ácido fólico, antioxidantes, aminoácidos e vitaminas do grupo B e também A, D e E.

Apenas um ovo pode proporcionar uma reserva generosa de nutrientes à dieta com uma pequena quantidade de calorias. Por isso, recomenda-se seu consumo regular a pacientes com anemia, embora este seja um ponto que o médico deve avaliar para cada caso em particular.

6. Pão integral

De acordo com o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, uma porção de 100 gramas de pão integral pode satisfazer uma grande porcentagem das necessidades diárias de ferro do corpo. Também são recomendados outros produtos de grão integral, como o macarrão, cereais e arroz.

7. Romã

Romã para combater a anemia

Todos os alimentos ricos em vitamina C, como a romã, ajudam a melhorar a absorção de ferro. Portanto, recomenda-se consumir esse tipo de alimentos regularmente quando se trata de combater a anemia.

A romã é uma fruta que conta com um alto teor de antioxidantes, vitamina C, além de minerais, como o potássio, o magnésio e o cálcio.

8. Tomate

O tomate é uma fonte rica em vitamina C, E e betacaroteno, nutrientes essenciais para o tratamento da anemia. Consulte seu nutricionista sobre como aumentar seu consumo diário de tomate da maneira mais conveniente e prática para você.

9. Leguminosas

As leguminosas são uma das maiores fontes naturais de ferro, por isso são essenciais na dieta voltada a prevenir ou tratar a anemia. O feijão, a lentilha, a soja, o grão-de-bico, entre outros, oferecem até 5 miligramas de ferro em uma xícara.

As lentilhas são enriquecidas com proteínas e são pobres em gorduras, por isso são muito recomendadas para tratar a anemia. Cabe esclarecer que devem ser preparadas corretamente para podermos aproveitar todos os seus benefícios. Consulte um profissional para saber mais sobre esse assunto.

Recomendações finais

Recomenda-se consumir os alimentos mencionados anteriormente junto com um copo de suco de laranja ou limonada, porque os cítricos favorecem a assimilação de ferro no organismo, assim como explicamos ao falar da vitamina C.

Assim como é importante consumir esses alimentos e cuidar da hidratação, também é fundamental limitar o consumo de sal, açúcares adicionados, grãos refinados e gorduras sólidas. Todos são hábitos de nutrição que buscam o bem-estar integral do organismo.

Todo plano alimentar deve ser orientado e controlado por um médico ou um nutricionista.

Apesar de ser de conhecimento geral que os alimentos mencionados são bons para combater a anemia, é preciso prestar atenção à forma de cozimento, às quantidades e a outros fatores para, assim, poder aproveitar os benefícios que seus nutrientes oferecem. Melhore seu bem-estar com os alimentos que você consome!

  • (2011). Guía breve sobre la anemia. Instituto Nacional del Corazón, los Pulmones y la Sangre (NHLBI). Nro de publicación: 11-7629AS. [En línea]. Disponible en: https://www.nhlbi.nih.gov/files/docs/public/blood/anemia-inbrief_yg_sp.pdf
  • Dieta para la anemia. Fundación Española para el Corazón. [En línea]. Disponible en: https://fundaciondelcorazon.com/images/stories/file/dieta_anemia_hierro.pdf