Os 7 melhores alimentos para aumentar as plaquetas do sangue

· 13 de outubro de 2017
Antes de fazer uma mudança na nossa dieta, é conveniente consultar o médico sobre quais são os melhores alimentos para o nosso caso.

Você quer saber quais são os melhores alimentos para aumentar as plaquetas? Então não perca o que compartilhamos neste artigo!

As plaquetas são pequenos fragmentos de células que circulam no sangue. Sua função é formar coágulos para curar feridas e prevenir sangramentos.

São produzidas na medula óssea e estão disponíveis para reparar vasos sanguíneos danificados, evitando, assim, a perda excessiva de sangue em caso de lesões.

Em seu interior, há pequenos sacos chamados grânulos, os quais liberam substâncias químicas que atraem outras plaquetas ao lugar da lesão para formar o que se conhece como tampão plaquetário.

Em geral, desempenham um papel principal no controle de hemorragias. Portanto, sua presença no sangue é fundamental para todos.

O problema é que, às vezes, ocorrem transtornos da função plaquetária. Seja porque sua produção se reduz ou aumenta ou porque elas não agem da forma como deveriam.

Como consequência, surgem transtornos sanguíneos crônicos. Assim, é claro, aumenta o risco de perdas significativas de sangue.

Estes casos devem ser analisados e tratados por um médico, já que podem causar graves complicações na saúde.

Além disso, é conveniente incluir na dieta alguns alimentos que, devido às suas propriedades, são benéficos para regular os níveis de plaquetas no sangue.

Descubra quais são a seguir!

Alimentos para aumentar as plaquetas

1. Abóbora

alimentos para aumentar as plaquetas

A abóbora, incluindo suas sementes, tem aminoácidos e vitaminas essenciais para a formação de plaquetas.

Seu consumo regular melhora a absorção de proteínas e vitamina A, nutrientes que participam na produção dessas pequenas células.

Além disso, como contém poderosos antioxidantes, a abóbora é ideal para inibir os efeitos negativos das toxinas e dos radicais livres.

2. Frutos cítricos

Os frutos cítricos, quando ingeridos em quantidades moderadas, são um bom complemento para a saúde sanguínea.

Isso se deve ao seu alto teor de vitamina C, um nutriente essencial que aumenta a contagem de plaquetas no sangue.

Sua absorção fortalece a saúde imunológica. Dessa forma, ao aumentar a produção de anticorpos, reduz o risco de danos nessas células.

3. Groselha da Índia

alimentos para aumentar as plaquetas

Ainda que seja um fruto exótico e não tão popular, a groselha da Índia faz parte do grupo de alimentos que promovem a saúde sanguínea e imunológica.

Contém vitaminas A e C, as quais intervêm na formação das plaquetas do sangue.

Sua alta concentração de antioxidantes minimiza o impacto do estresse oxidativo e os riscos de sofrer de problemas crônicos associados à diminuição desses fragmentos de células sanguíneas.

4. Suco de babosa

O suco de babosa é um remédio com diversas aplicações medicinais que, durante séculos, foram aproveitadas em benefício da saúde humana.

Dentre suas propriedades cabe mencionar que, por seu teor de vitaminas e minerais essenciais, é um aliado para purificar e proteger as células sanguíneas.

Seus nutrientes inibem os efeitos negativos das toxinas e dos agentes infecciosos, evitando o enfraquecimento das plaquetas.

Ele impede o afinamento do sangue e ajuda a otimizar o uso dos nutrientes diante de lesões nos vasos sanguíneos.

5. Espinafre

alimentos para aumentar as plaquetas

O espinafre faz parte do grupo de vegetais verdes com centenas de benefícios para o organismo. Portanto, é um dos melhores alimentos para aumentar as plaquetas.

Neste caso, destaca-se por seu significativo teor de vitamina K e proteínas, as quais desempenham um papel principal na formação das plaquetas.

Seu suco natural aumenta de forma considerável a formação destas microcélulas. Dessa forma, otimiza a passagem do fluxo sanguíneo através das veias.

6. Mamão

A polpa do mamão e suas folhas são úteis para complementar o tratamento dos transtornos da função plaquetária.

O suco de mamão e as infusões das folhas contribuem para regular os níveis de células sanguíneas, evitando, assim, o desenvolvimento de doenças crônicas.

Apesar de não representar um tratamento milagroso para problemas sanguíneos, seu consumo pode favorecer a formação de plaquetas.

Leia também: 5 coisas que você deve saber sobre as doenças autoimunes

7. Beterraba

alimentos para aumentar as plaquetas

A beterraba é uma grande fonte de substâncias antioxidantes. Dessa forma, ajuda a prevenir a redução das plaquetas devido aos efeitos dos radicais livres.

Seus teores de vitaminas A, C e K, além de minerais, ajudam a purificar o sangue e reduzem a deterioração dos vasos sanguíneos.

Preparada em suco, fortalece as defesas e previne o desenvolvimento de problemas sanguíneos e circulatórios.

Ainda que o tratamento dos transtornos plaquetários varie em função de sua causa, o consumo desses alimentos pode fomentar o bem-estar nas pessoas afetadas.

Em relação a essa lista de alimentos para aumentar as plaquetas, o ideal é consumi-los sob supervisão médica, já que devemos levar em conta demais hábitos, medicamentos e terapias complementares de cada um.