5 traços que definem a personalidade forte: você se identifica?

As pessoas de personalidade forte não são frias, nem insensíveis. Só aprenderam a dar a cada assunto a importância que merece, para que não lhes afete de forma negativa.

Frequentemente, as pessoas de personalidade forte podem causar uma certa hostilidade ou incômodo.

Há quem veja nesse perfil alguém incapaz de ceder diante de certas coisas, alguém que, às vezes, se mostra egoísta ou que apenas visa – aparentemente – seus interesses e que não aceita visões, propostas ou sugestões dos outros.

Nada mais distante da realidade.

É verdade que, em termos de personalidade, sempre há muitas nuances na hora de rotular alguém como “puramente” introvertido, extrovertido, dependente, independente, intuitivo, etc.

No entanto, quando falamos da personalidade forte, há algo por trás que devemos compreender.

Na psicologia, conhece-se esse tipo de perfil como “personalidade resistente”.

Dentro dela, a pessoa pode ser introvertida ou extrovertida, mas o que a caracteriza, acima de tudo, é a capacidade de se manter de pé em meio à adversidade.

Neste artigo explicaremos 5 traços com os quais, sem dúvida, entenderemos muito mais estas pessoas. Você se identifica?

1. Pessoas de personalidade forte não gostam de desculpas

A personalidade forte tem um instinto vital muito concreto: aprendeu com seus erros e acertos e age com consciência, com humildade, mas com determinação.

  • Isso explica por que não gostam de forma alguma nem de meias verdades nem de meias mentiras, ainda menos das desculpas ou das pessoas que só fazem procrastinar.
  • Para a personalidade forte, essas ações a fazem perder tempo, são obstáculos, modos de atrapalhar seus propósitos e objetivos.
  • Em seu mundo, em sua forma de ver as coisas, o que deve ser feito deve ser feito, quando necessário. O que uma pessoa põe como meta no horizonte é um motivador pelo qual lutar…

Assim, quem preenche seu dia a dia com desculpas e falsas razões é alguém que elas veem com incômodo.

2. São cautelosos na hora de definir quais pessoas farão parte de sua vida

Casal de marionetes olhando-se por um binóculo

  • Sabem o que querem e o que não querem. Esse aprendizado chegou porque, em algum momento do passado, alguém falhou com elas, as desiludiu ou traiu.
  • No entanto, longe de se fecharem em si mesmas ou de se mostrarem frias ou desconfiadas, se mostram abertas aos outros, mas não hesitam em aplicar um filtro psicológico muito adequado.

Não deixarão entrar em sua vida quem incomoda nem quem perturba sua paz interna.

3. Não gostam de pessoas insensíveis, egoístas ou pretensiosas

A pessoa com um perfil forte e resistente, diferentemente do que muitos acreditam, é sensível e muito humilde.

  • Isso porque valoriza as coisas importantes, que não lhe fazem perder tempo e que lhe dão bem-estar: boas amizades, pessoas que são luz e não tormenta, amigos que lhe fazem rir, um compromisso enriquecedor…
  • Tudo isso faz com que não tolere muito quem age de maneira egoísta, quem não sabe valorizar as coisas mais simples da vida, que não valem dinheiro e com as quais todos ganhamos ao conviver com respeito e felicidade.

4. Aprenderam com o medo, com a adversidade

Mulher arrancando curativos e libertando pássaros

Um dos traços que as pessoas fortes apresentam é uma clara resiliência psicológica. Como já sabemos, poucas palavras estão mais em evidência atualmente no campo do crescimento pessoal como a resiliência.

  • É a capacidade por meio da qual uma pessoa consegue se sobrepor à adversidade e à dor emocional. Não só isso, aprende com essas vivências, com esses períodos.
  • Assim, a personalidade forte foi capaz de aprender com o medo, de cruzar essa fronteira para alcançar seus objetivos.
  • Além disso, todo esse aprendizado vital lhe confere maiores ferramentas psicológicas para avançar sem temores, sendo receptiva ao que a vida quer lhe trazer, mas sabendo muito bem “o que não está disposta a aceitar”.

5. Não precisam gostar de todo mundo

Mulher loira segurando nuvem

Nós destacamos isso no início. A personalidade forte não agrada a todos, porque não é entendida, porque não sabem que, atrás dessa determinação, há um coração sensível que aprendeu com a vida, que sabe o que quer, que não pode perder tempo.

  • Pouco a pouco, e ao longo de seu ciclo vital, aprendeu que poucas coisas causam tanta frustração e sofrimento quanto querer agradar a todo mundo, como buscar ser aceito por todas as pessoas que alguém conhece.
  • Não é útil, não é lógico e é pouco saudável.
  • Assim, a personalidade resistente aplica esse enfoque com o qual não se preocupar em absoluto se alguém não o aceita como é.
  • Sabe que quem está a seu lado são os que realmente valem a pena, os que merecem levar pela mão nesse caminho vital onde só é preciso se cercar de pessoas que nos acrescentam, que nos veem por dentro, com autenticidade.

Para concluir, estamos certos de que muitos leitores se viram refletidos nessas características.

Talvez todos nós tenhamos aprendido a sermos fortes à nossa maneira, ou estejamos a ponto de fazê-lo, a ponto de desenvolver uma personalidade resistente.

Recomendados para você