Dor de dentes? Descubra 3 receitas caseiras para tratá-la

28 de maio de 2018
Existem vários fatores que contribuem para o desenvolvimento de bactérias na boca, que podem formar placa dental e causar dor de dentes. Mostramos alguns remédios caseiros para combatê-las.

A má nutrição, a falta de higiene bucal e as infecções são os principais fatores que contribuem para a proliferação de bactérias na placa que se forma na boca e, portanto, a dor aparece.

Em termos de odontologia é conhecida como dor dentinária. Isso consiste em dor intensa que dura alguns segundos e é causada por estímulos externos, como mudanças na temperatura e ingestão de alimentos ou bebidas muito açucaradas.

No entanto, esse sintoma nem sempre é um sinal de que existe um problema patológico, pode ser simplesmente uma reação nos dentes.

O que pode causar dor de dentes?

  • Cáries
  • Fratura
  • Fissura
  • Irritação após tratamento odontológico
  • Raízes dentárias expostas
  • Abscessos
  • Inflamação nas gengivas
  • Úlceras
  • Sinusite

Consequências

Mulher feliz sem dor de dentes

Se não tratarmos a dor de dentes, é possível que uma infecção se desenvolva e que possa ter sérias consequências ao se espalhar pela pele e pelo sangue. Caso haja uma infecção, o paciente terá problemas para abrir a boca e até respirar por causa da inflamação.

As pessoas que têm transtornos crônicos devem tomar precauções dobradas, porque as infecções podem ser fatais.

Visita: 11 dicas simples para prevenir cáries

Tipos de dores

  • Mucosa: é uma dor superficial que afeta à mucosa da cavidade bucal. As mucosas apresentam dor quando um estímulo é aplicado à lesão.
  • Oral-dental: a dor mais frequente. É causada pelo aparecimento de cáries nos dentesÉ uma dor física profunda que pode ser causada por pulpite aguda ou crônica, bem como periodontite.
  • Periodontal: esta dor provém dos tecidos que rodeiam a peça dental. É um incômodo intenso, contínuo e opressivo. Geralmente, é uma área única e a dor aumenta quando você pressiona o dente afetado.

Abaixo encontrará remédios caseiros efetivos, fáceis de preparar e dentro do seu orçamento, para tratar dor de dentes:

1. Cravo

Cravo serve para aliviar a dor de dentes

Os cravos são considerados analgésicos naturais. Estes têm propriedades antibacterianas que são responsáveis ​​por atacar os possíveis germes que causam dor.

Ingredientes

  • Cravo (30 g)
  • 1 xícara de água (125 ml)

Preparação

  • Primeiro, ferva a água.
  • Em seguida, despeje os cravos.
  • Finalmente, espere que aqueça.

Modo de uso

  • Umedeça um algodão na infusão e aplique na área afetada.

Outros usos

  • Coloque um ou dois cravos na área onde você sente o desconforto.
  • Além disso, você pode usar o óleo de cravo e diluí-lo com óleo de amêndoa.

2. Férula assafoetida

A resina que está dentro deste tempero não só diminui a dor nos dentes, mas também o sangramento nas gengivas.

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de férula (10 g)
  • Suco de um limão (50 ml)
  • 1 xícara de água (145 ml)

Preparação

  • Antes de tudo, aqueça a água.
  • Em seguida, despeje o suco de limão e adicione a férula.
  • Finalmente, aplique.

Modo de uso

  • Aplique diretamente na área afetada.

3. Extrato de baunilha

Extracto de baunilha serve para aliviar a dor de dentes

A baunilha contém eugenol, este derivado fenólico tem sido utilizado em odontologia há séculos por suas propriedades analgésicas e antissépticas. Além disso, combate a deterioração dentária.

Ingredientes

  • Gotas de extrato de baunilha

Preparação

Modo de uso

  • Aplicar no dente danificado. Você pode repetir o procedimento quantas vezes forem necessárias até a dor desaparecer.

Não perca: 7 plantas medicinais para cuidar da saúde óssea

Recomendações

  • Ao escovar os dentes, escove todas as faces dos dentes com movimentos circulares e curtos. Nunca em um sentido horizontal e você deve escovar após cada refeição.
  • É importante escovar as gengivas por pelo menos um minuto. Caso contrário, a placa bacteriana não será removida.
  • Você tem que manter a escova de dentes em boas condições. O ideal é mudá-la a cada 3 meses.
  • É essencial usar fio dental para remover alimentos entre os dentes uma vez por dia, de preferência antes da hora de dormir.
  • Diminua a ingestão de açúcares ou alimentos muito pegajosos, como balas ou doces.
  • Aumente os alimentos ricos em fibras.
  • Evite fumar porque os cigarros afetam as gengivas e o esmalte dos dentes.

Se depois de seguir as recomendações e remédios não houver melhora nas primeiras 72 horas, não hesite em ir imediatamente ao dentista, pois o ideal é eliminar a causa da dor dental.

Recomendados para você