Como usar cravo-da-índia para melhorar a digestão

· 20 de julho de 2018
Embora devamos evitar o consumo excessivo e ter orientação médica, o cravo-da-índia ajuda a controlar problemas digestivos, respiratórios, e reduz a dor de dente.

O cravo-da-índia é um tempero comumente usado para fins culinários, mas também tem muitos benefícios medicinais. Certamente você já o usou para dar sabor às refeições ou para fazer sobremesas, mas você conhece os benefícios que ele traz para a saúde? Neste artigo, falaremos especificamente sobre como usar o cravo-da-índia para melhorar a digestão.

Ele tem propriedades analgésicas, antiespasmódicas, antibacterianas e anestésicas. Alguns remédios naturais que o incluem são benéficos para o sistema digestivo. Acalma a dor, combate infecções e reduz a inflamação, entre outras coisas.

Preparar remédios, infusões ou chás com o cravo-da-índia irá melhorar os sintomas dos problemas digestivos, como gases, náuseas e vômitos causados ​​pela indigestão. Tudo graças a um composto chamado eugenol presente no mesmo.

Mulher tomando chá

Quais são as propriedades do eugenol?

eugenol é responsável pela intensidade aromática do cravo-da-índia. Este componente é um excelente antioxidante que retarda o envelhecimento celular e combate a acidez. Caracteriza-se por ser um líquido oleoso de cor amarela e cheiro intenso.

Também está presente em outras plantas, como a pimenta dioica, manjericão, cúrcuma, louro e canela, mas é no cravo que ele tem uma maior concentração.

É usado em casos de desconforto digestivo, infecções respiratórias e dor de dente. Tem um uso interno e externo, sendo o interno o mais comum. Possui flavonoides e suas propriedades que se destacam são:

  • Anestésico
  • Antiácido
  • Antiemético
  • Antioxidante
  • Gastroprotetor
  • Antiviral
  • Antisséptico

No entanto, apesar de seus muitos benefícios, recomenda-se consumir o eugenol com cuidado devido ao seu alto nível de toxicidade em doses elevadas, principalmente se ingerido como óleo essencial. Seu uso é contraindicado para mulheres grávidas, lactantes e crianças até 6 anos.

Leia também: 5 óleos essenciais e seus benefícios

Como usar o cravo-da-índia para melhorar a digestão?

Existem várias maneiras de usar o cravo-da-índia em remédios para a digestão ou como acompanhamento das refeições. Tudo dependerá do gosto de cada pessoa e do seu nível de tolerância à planta, pois ela tem um cheiro e sabor muito fortes. Estas são algumas opções de uso:

Chá de cravo-da-índia

O chá de cravo-da-índia lubrifica o trato digestivo e estimula o sistema digestivo, permitindo o seu bom funcionamento. Junto a isso, serve para aumentar o fluxo sanguíneo e combater o mau hálito, também conhecido como halitose.

Uma das causas mais comuns do mau hálito são os problemas estomacais, e o cravo-da-índia os ataca diretamente no sistema digestivo. Além disso, graças ao seu aroma, ele fornece um hálito fresco imediato porque, ao ter contato com a boca, o chá combate as bactérias.

  • Para fazer o chá, você só precisa amassar os cravos e ferver o pó resultante em um pouco de água.
  • Você pode tomar de manhã e à noite nos dias em que sentir desconforto.

Cravo-da-índa inteiro

Pode ser usado como condimento para as refeições, como complemento às sobremesas ou pode ser mastigado inteiro. Esta última forma de uso aumenta a produção de saliva e fluidos necessários para a digestão.

Quer saber mais? Não perca este artigo: Para que serve o cravo-da-índia?

Cravo-da-índia

Óleo essencial de cravo-da-índia

O óleo essencial de cravo-da-índia resulta da mistura do azeite de oliva e do cravo-da-índia deixados em um recipiente fechado por várias semanas. Como já indicamos, não deve ser tomado puro ou em grandes quantidades, pois pode ser tóxico.

  • Para acalmar o vômito e a náusea, adicione 3 gotas em um copo de água (200 ml).

Infusão de cravo-da-índia

É preparada de forma semelhante ao chá, mas com cravos inteiros. Ajuda a combater a constipação e estimula a atividade digestiva. Você pode beber uma xícara de chá após cada refeição até que o desconforto desapareça.

A natureza oferece um número infinito de opções medicinais muito saudáveis ​​para o seu corpo, por isso recomendamos que complemente os seus tratamentos médicos com estes remédios naturais. Embora o cravo não tenha a capacidade de curar doenças digestivas, ele pode aliviar alguns sintomas.

Não se esqueça de fazer consultas regulares com seu médico e manter uma dieta saudável. A indigestão pode ser evitada na maioria dos casos com uma dieta balanceada e livre de alimentos que seu estômago não tolera.

Leve em consideração quais alimentos são prejudiciais para você e evite o seu consumo.