Como eliminar as pulgas com terra de diatomáceas

· 16 de fevereiro de 2018
A terra de diatomáceas é a opção mais segura para se desfazer das pulgas e dos carrapatos. Enquanto que é letal para os parasitas, é inofensiva para os humanos e para as mascotes

Toda pessoa que tem ou teve mascotes, alguma vez lidou com a presença das pulgas.

Estes terríveis insetos são parasitas externos que vivem dos animais de sangue quente. É muito comum encontrá-las em cães e gatos, e eliminá-las pode ser um trabalho difícil.

Quando existe uma epidemia de pulgas em casa e estão atacando principalmente às mascotes, nossa tarefa é se desfazer delas.

Existe uma infinidade de produtos que são muito efetivos, mas que contam com altos teores de substâncias químicas que podem afetar tanto os animais como nós.

  • Uma forma alternativa, mas realmente efetiva, é a terra de diatomáceas ou diatomita.
  • Esta é uma rocha formada a partir dos restos fossilizados de uma alga com carapaça muito dura (diatomáceas).
  • Enquanto que em humanos e animais é seguro, graças as suas bordas afiladas se torna letal para insetos e parasitas, já que os desidrata e disseca.

Propagação das pulgas

Cão com pulgas se coçando

Ao cair uma pulga fêmea dentro da pelagem da mascote, esta se encarrega de colocar seus ovos dentro do pelo do mesmo.

O problema não é só esse, e sim que os ovos caem muito facilmente e ficam nos tapetes, móveis ou lugares onde o animal deite.

É ali, onde está o nosso animal de estimação, que é provável encontrar os ovos e que estes evoluam.

Como resultado, estaremos enfrentando larvas escondidas no fundo dos tapetes, almofadas, poltronas e inclusive nas fendas dos pisos.

O tratamento para eliminar as pulgas deve ser constante, pois pode ocorrer uma reinfestação, tanto no animal como em toda a casa.

 

Tratamento com terra de diatomáceas para eliminar as pulgas

Terra de diatomáceas para eliminar pulgas

Este tratamento deve focar nas áreas preferidas da mascote, seja sua cama, um tapete, alguma almofada onde deite ou mesmo na grama do jardim.

A terra de diatomáceas é obtida em serralherias, viveiros ou mesmo em lojas de jardinagem.

É realmente importante que não compre a terra que é para piscinas, tem que ser terra de diatomáceas de grau alimentício.

Estes são os passos que devemos seguir:

  • Com o uso de luvas e uma máscara protetora, pegue uma pequena quantidade da terra e espalhe-a sobre sua mascote, esfregando para que adentre sua pelagem.
  • Escove com um pente que ajude a espalhar a terra por todo o pelo.

Nota: tenha cuidado com a terra para que não entre nos ouvidos e nem nos olhos do animal.

  • Espalhe a terra de diatomáceas no tapete ou na cama onde a mascote dorme. É importante que o animal se encontre fora de casa para este procedimento, até que o pó se assente.
  • A terra deve chegar aos cantos, fendas na parede ou ao piso. No caso dos tapetes, é necessário deixar repousar por algumas horas, ou preferentemente durante a noite antes de retirar o produto.

Você pode fazê-lo sacudindo o tapete, no entanto, a melhor opção é usar um aspirador para evitar que o pó volte e afete a mascote.

Quer conhecer mais? Leia: Como eliminar pulgas e carrapatos naturalmente

Não se esqueça de nenhum canto

Cão sem pulgas dentro de casa

  • Nos lugares que você sabe que são entrada de carrapatos e pulgas, crie uma espécie de barreira com a diatomita para evitar sua entrada na casa.
  • No exterior, espalhe-a nas fendas e especialmente no quintal. A grama e as plantas, em geral, são as zonas mais potenciais para a presença de pulgas, por isso é essencial espalhar a terra nesta área.
  • Se você tiver árvores em seu quintal, é importante espalhar a terra pelo caule. O mesmo para os arbustos, as cercas e todo lugar que possa hospedar estes incômodos parasitas.
  • Se sua mascote viajar dentro do carro, é recomendado aplicar a terra de diatomáceas nos bancos, abaixo deles e nos tapetes para matar qualquer pulga ou carrapato que tenha ficado.

Faça o mesmo com os tapetes de casa: deixe repousar algumas horas e depois aspire.

  • O recomendado é repetir o procedimento a cada duas semanas para eliminar qualquer pulga ou carrapato que tenha entrado na casa neste período de tempo.