As 6 causas mais comuns de infertilidade em mulheres

Diante de uma condição de infertilidade é essencial encontrar a causa, em seguida, aplicar o tratamento mais adequado. Hoje, muitos casais experimentaram períodos de infertilidade que foram superados com algum tratamento. Veja as causas mais comuns de infertilidade em mulheres.

A infertilidade é a incapacidade de conceber por um ano ou mais de sexo desprotegido. Embora a fertilidade nas mulheres diminua com a idade, é importante ter em mente que o problema não reside apenas nas mulheres. Os homens também podem sofrer problemas de fertilidade. Aqui vamos focar nas causas mais comuns de infertilidade nas mulheres.

A infertilidade não significa o mesmo que ser estéril. Há casais que conseguiram conceber depois de procurar ajuda médica.

Estima-se que cerca de 30% da infertilidade possa ser atribuída a um problema feminino. Esses problemas podem vir de uma variedade de fatores, muitos dos quais são tratáveis.

Portanto, o primeiro e mais importante passo é determinar as causas mais comuns de infertilidade. O diagnóstico da causa da infertilidade nas mulheres é feito através de uma variedade de testes. Estes incluem a consulta com um especialista em fertilidade, um exame de sangue, um ultrassom pelviano ou raios-x, e às vezes uma laparoscopia.

Causas mais comuns de infertilidade

Nas mulheres, as causas mais comuns de infertilidade são:

1. Síndrome do ovário policístico (SOP)

Ovários

É uma condição sob a qual os ovários secretam quantidades anormalmente altas de androgênios (hormônios masculinos) e que muitas vezes causam problemas com a ovulação. Mulheres com SOP têm ovários ampliados que contêm quistos múltiplos e pequenos.

Não sabia? Criada molécula capaz de tratar o câncer de ovário e de pâncreas

2. Endometriose

Ocorre quando as células do endométrio (células dentro do útero) crescem fora do útero. A distorção da anatomia devido à endometriose pode bloquear ou alterar a função das trompas de Falópio e evitar que o esperma atinja e fertilize o óvulo.

3. Fibromas

Mulher infértil

São massas não cancerosas que aparecem no útero ou no colo do útero. Os fibromas uterinos são encontrados em mulheres entre 30 e 40 anos. Os fibromas podem causar bloqueios de trompas, impedem o embrião de se conectar à parede uterina e causar um aborto espontâneo. O impacto dos fibromas na fertilidade depende do tamanho e da localização.

Visite este artigo: Fibromas uterinos: tipos, causas, riscos e sintomas

4. Menopausa prematura

falência ovariana prematura também é chamada de menopausa precoce. Este termo refere-se a uma condição em que o ovário para de ovular antes do normal. A faixa etária média para a menopausa é entre 45 e 55 anos. Outras causas médicas incluem distúrbios da tireoide e condições genéticas.

A idade de uma mulher é um fator importante e o indicador mais relevante de sua capacidade de conceber. As taxas de concepção para casais saudáveis ​​normais são, na melhor das hipóteses, 20-25% por ciclo menstrual. Uma vez que uma mulher atinge a idade de 35 anos, sua fertilidade começa a diminuir.

Com a idade de 40, estima-se que sua taxa de concepção esteja na faixa de 8-10% ao mês e com a idade de 43 anos, acredita-se que a taxa de gravidez seja tão baixa quanto 1-3% por mês. Além de uma redução nas taxas de gravidez associadas à idade feminina, há também um aumento significativo no risco de aborto espontâneo e anormalidades cromossômicas (genéticas).

5. Ciclos menstruais irregulares

Mulher consultando médico por sua infertilidade

Ciclos irregulares podem sugerir um problema com a ovulação. A duração média do ciclo menstrual é de 28 dias, mas pode variar de 25 a 35 dias. O ciclo é determinado por uma interação complexa de hormônios, de modo que qualquer desequilíbrio hormonal pode tornar o seu período irregular. Embora, na maioria dos casos, ciclos irregulares não sejam perigosos, é importante determinar a causa.

6. Infertilidade inexplicada

Estima-se que cerca de 10% da infertilidade permanece inexplicada, mesmo depois de uma avaliação médica completa.

Tratamentos de fertilidade

Mulher infértil tentando gravidar

Uma vez que as causas mais comuns de infertilidade feminina foram determinadas, um plano de tratamento pode ser projetado. As opções de tratamento para infertilidade feminina incluem:

1. Indução da ovulação

Envolve o uso de medicamentos (hormônio estimulante do folículo) para regular a ovulação e estimular os ovários. A indução de ovulação é frequentemente combinada com inseminação intrauterina, um procedimento através do qual o esperma é inserido diretamente no útero de uma mulher para aumentar a probabilidade de fertilização.

2. Cirurgia

Nas mulheres, a cirurgia pode muitas vezes melhorar as chances de concepção quando a causa da infertilidade tem origem em inflamações passadas, infecções que geraram cicatrizes ou condições como fibromas, endometriose e outros problemas uterinos.

3. Fertilização in vitro (FIV)

A FIV é utilizada quando a condição de infertilidade não reverte com outras intervenções médicas ou cirúrgicas. Envolve a fertilização do óvulo pelo esperma em uma incubadora fora do corpo e a transferência do embrião de volta ao útero.

Embora a infertilidade possa ser uma experiência desafiadora para você e seu parceiro, a boa notícia é que geralmente pode ser tratada e superada.

Recomendados para você