6 remédios naturais para tornozelos e pés inchados

Se, apesar de estar usando estes remédios naturais, observarmos que continuamos com os tornozelos e os pés inchados é conveniente que procuremos um médico para descartar algum problema grave.

Ter os tornozelos e pés inchados é algo muito frequente, principalmente nas mulheres e nas pessoas mais velhas.

A acumulação de líquidos nesta região recebe o nome de edema e pode ser tratada com remédios naturais. Gostaria de saber quais são? Então não deixe de conferir este artigo!

Por que os tornozelos e os pés incham?

Pés inchados

Este problema pode afetar não só a parte baixa do corpo, como também “chegar” até as pernas e as coxas.

As razões pelas quais podemos sofrer edemas são:

  • O sobrepeso
  • A formação de um coágulo de sangue na perna
  • A idade avançada
  • Uma infecção na perna
  • Veias impossibilitadas de bombear sangue para o coração
  • Passar muitas horas sentados ou de pé
  • Comer sal em excesso
  • Não tomar água o suficiente
  • O ciclo menstrual
  • A gravidez
  • O consumo de anticoncepcionais ou estrogênios
  • Insuficiência cardíaca ou hepática
  • Problemas renais

São vários os motivos pelos quais podemos ter os pés e joelhos inchados. Portanto, é fundamental um diagnóstico certeiro realizado por um profissional.

Quer saber mais? Leia: Inchaços durante a gravidez, como evitá-los?

Remédios caseiros para o inchaço nos pés e tornozelos

Dê uma olhada nestas alternativas caseiras:

Banho de sálvia e alecrim

Banho de sálvia e alecrim para pés inchados

Colocar os pés em um recipiente com algum ingrediente adicional é muito bom quando chegamos em casa depois de passar o dia inteiro sentado ou de pé devido ao trabalho.

Com só 15 minutos diários poderá descansar melhor e não sofrer a pressão causada pela inflamação.

Ingredientes

  • 5 colheres de sopa de sálvia (50 g)
  • 5 colheres de sopa de alecrim (50 g)
  • 2 xícaras de água morna (500 ml)

Preparo

  • Esquente a água e coloque em um recipiente adequado (ambos os pés devem caber).
  • Adicione a sálvia e o alecrim. Mexa bem.
  • Coloque os pés e deixe até que a água esfrie (aproximadamente 15 minutos).

Banho de água de sal

Banho de agua com sal para os pés inchados

É a receita mais popular se sofremos de inchaço nos tornozelos. Podemos aproveitar os benefícios deste banho, por exemplo, enquanto assistimos televisão, lemos um pouco no sofá ou conversamos sobre nosso dia com nossos parentes.

Ingredientes

  • 3 colheres e meia de sal marinho grosso (40 g)
  • 2 xícaras de água morna (500 ml)
  • 2 xícaras de água fria (500 ml)

Preparo

  • Esquente a água e coloque em um recipiente adequado.
  • Adicione a metade do sal e mexa para que dissolva.
  • Pode adicionar água fria para que suporte a temperatura da água quando pôr os pés.
  • Deixe por 10 minutos.
  • Seque os pés e jogue a água fora.
  • Encha o recipiente com água fria e o resto do sal.
  • Volte a introduzir os pés e deixe, pelo menos, por 3 minutos.
  • O contraste da água quente com a fria ativará a circulação dos pés e tornozelos e reduzirá a inflamação.

Banho de menta

A menta tem muitas propriedades: é refrescante, diurética e anti-inflamatória. Por isso é ideal para quando temos os pés e tornozelos inchados.

Ingredientes

  • 3 colheres de sopa de folhas de menta fresca (30 g)
  • 1 litro de água

Preparo

  • Coloque a água para esquentar e, quando começar a ferver, adicione as folhas de menta.
  • Ferva por 10 minutos, tire do fogo e deixe que esfrie um pouco.
  • Coloque em um recipiente e, quando a temperatura permitir, introduza os pés.
  • Deixe por 15 minutos até que a água esfrie.

Infusão de cavalinha

Cavalinha para tratar os pés inchados

Esta erva tem múltiplos usos, e por isso recomendamos que a tenha sempre em casa.

O chá de cavalinha é perfeito para eliminar o líquido acumulado no organismo, já que funciona como um diurético potente.

Ingredientes

  • 2 colheres de sopa de cavalinha (20 g)
  • 1 litro de água

Preparo

  • Em uma panela, coloque a água e a cavalinha.
  • Ferva durante 15 minutos.
  • Tire do fogo, deixe repousar coberto e depois filtre.
  • Beba ao longo do dia. Se quiser pode adoçar com mel.

Massagem com canela e cravo-da-Índia

Canela para tratar pés inchados

Podemos combinar este remédio externo com a infusão de cavalinha e ser uma boa rotina posterior aos banhos de água e sal ou de alecrim e sálvia.

Ingredientes

  • 1 pau de canela
  • 3 cravos-da-Índia
  • 2 colheres de azeite de oliva (32 g)

Preparo

  • Soque os cravos-da-Índia junto com o pau de canela em ramo em um socador até que virem um pó fino.
  • Coloque em uma panela e adicione o azeite de oliva. Misture bem.
  • Esquente em fogo baixo durante um minuto (também pode esquentar dois minutos no micro-ondas, sempre tendo cuidado para que o recipiente seja adequado para isso).
  • Deixe esfriar e use para massagear a região afetada.
  • Faça movimentos circulares de baixo para cima e não lave.
  • Coloque meias (melhor se forem de lã): assim o óleo absorverá bem e sem manchar os lençóis.
  • Pela manhã, tire as meias e enxágue com água morna.
  • Repita todas as noites por uma semana.

Veja também: 7 Benefícios de consumir canela com mel

Massagem com camomila

Outra das plantas que devemos ter em casa devido às suas múltiplas propriedades (principalmente anti-inflamatórias). Pode usar o óleo essencial ou preparar um chá que depois usará para massagear a área.

Ingredientes

  • 2 colheres de sopa de flores de camomila (20 g)
  • 2 xícaras de água (500 ml)

Preparo

  • Coloque a água para esquentar e adicione a camomila.
  • Quando começar a ferver, deixe que cozinhe durante 30 minutos.
  • Tire do fogo e espere que esfrie.
  • Coe e coloque sobre as pernas lentamente.
  • Faça massagens com movimentos circulares, desde os pés até os joelhos.
Recomendados para você