10 benefícios do óleo de magnésio

24 Dezembro, 2019
Na hora de preparar o óleo de magnésio é importante não usar utensílios de metal, já que podem interagir com o mineral e afetar suas propriedades.

O teor de óleo de magnésio é um dos minerais essenciais que devemos absorver corretamente para evitar a ocorrência de vários tipos de doenças. Ele participa de pelo menos 300 reações bioquímicas do organismo e, dentre elas, destaca-se a sua capacidade de manter uma ótima saúde muscular, nervosa e cardiovascular.

Até alguns anos atrás, alimentos como legumes e nozes eram facilmente obtidos, uma vez que o solo era rico no elemento. No entanto, no momento, isso mudou. Portanto, há cada vez mais dificuldades em fornecer ao corpo a quantidade necessária de magnésio.

Felizmente, foram encontrados métodos alternativos para obtê-lo externamente e, graças a isso, muitas doenças diminuíram. Entre estes, encontramos o óleo de magnésio. Assim, possamos podemos prepará-lo em casa para usá-lo sobre a pele.

10 benefícios que o óleo de magnésio oferece

1. Reduz a dor

O óleo de magnésio reduz a dor

A aplicação da loção de magnésio diminui a severidade das dores comuns, como nas costas, na cabeça e nas articulações.

Este mineral relaxa os músculos e, ao diminuir a inflamação, acelera o processo de recuperação. Isto é afirmado neste estudo pelo Dr. Forrest H Nielsen.

2. Melhora a saúde dos dentes

O uso de óleo de magnésio como complemento à higiene bucal ajuda a melhorar a saúde das gengivas e diminui a acumulação de placa nos dentes.

Este produto fortalece as peças dentárias de acordo com este estudo realizado pelo Instituto Superior de Ciências Médicas de Havana (Cuba) e, entre outras coisas, minimiza o risco de sofrer infecções e doenças na boca.

Nota: Não se deve ingerir; é preciso cuspir depois de usá-lo, além de ser preciso consultar primeiro o seu dentista.

3. Fortalece os ossos

O óleo de magnésio fortalece os ossos

Níveis ótimos de magnésio no organismo ajudam a melhorar a síntese de cálcio e, portanto, são necessários para manter os ossos fortes e saudáveis, como afirma este estudo do National Institutes of Health (Estados Unidos).

O uso regular do óleo diminui a inflamação e mitiga o impacto negativo do estresse oxidativo e das toxinas.

4. Evita problemas cutâneos

Obviamente, a pele recebe diversos benefícios quando aplicamos o óleo de magnésio de forma regular.

Este produto limpa os poros e, como dissemos, é anti-inflamatório.

5. Melhora a circulação nas pernas

O óleo de magnésio melhora a circulação

Quando é aplicado sobre as pernas, este produto com magnésio relaxa os músculos e melhora a passagem do sangue.

Isso reduz o risco de sofrer de varizes, que se formam quando o sangue tem problemas para retornar para a parte superior do corpo.

6. Controla o estresse

Os níveis adequados de magnésio permitem equilibrar a atividade de alguns hormônios vinculados aos episódios de estresse, como afirma este estudo da Universidade Iasi da Romênia.

Um grande número de produtos antienvelhecimento e antiestresse contém esse mineral entre seus principais componentes.

7. Melhora a qualidade do sono

O magnésio melhora a qualidade do sono

A aplicação deste óleo é ideal para os pacientes com transtornos de sono. Esta pesquisa realizada pela Universidade de Adelaide (Austrália) garante que a ingestão do produto por mulheres favorece a diminuição do sono durante o dia.

8. Ajuda a controlar a diabetes

Embora existam muitos fatores que influenciam o controle do diabetes, a manutenção de níveis adequados de magnésio é essencial para o tratamento. Isto é afirmado neste estudo pela Universidade Federal de Piani (Brasil).

9. Protege os pés?

O óleo de magnésio protege os pés

Acredita-se que o uso desse óleo nos pés não apenas diminua a sensação de cansaço, mas evite a formação de rachaduras, calos e outros problemas comuns. No entanto, não há evidências científicas para apoiar tal afirmação.

10. Fortalece o sistema imunológico

Absorver quantidades adequadas deste mineral é a chave para manter um bom funcionamento do sistema imunológico, de acordo com uma pesquisa realizada pelo CISC (Conselho Superior de Pesquisa Científica da Espanha).

Isso diminui o risco de doenças infecciosas e, como se fosse pouco, ajuda a manter um bom nível de energia.

Como preparar o óleo de magnésio em casa?

Como preparar óleo de magnésio em casa?

Ainda que existam disponíveis em supermercados várias apresentações deste produto, seu preparo em casa permite economizar e obter uma versão de boa qualidade.

Ingredientes

  • 1 xícara de água destilada (250 ml)
  • 1 xícara de flocos de cloreto de magnésio (200 g)

Utensílios

  • Uma colher de silicone
  • Um vidro com borrifador

Preparo

  • Aqueça a xícara de água e, antes de ferver, retire e misture com os flocos de cloreto de magnésio.
  • Mexa o produto com um utensílio de silicone para que tudo se dissolva bem. A seguir, cubra para evitar que evapore.
  • Quando estiver frio, adicione o líquido em um vidro com borrifador para facilitar o uso.

Modo de aplicação

  • Borrife a mistura nas áreas da pele que desejar e deixe-o agir entre 30 e 40 minutos antes de enxaguar.
  • Repita seu uso 3 vezes por dia, todos os dias.

Em conclusão, este produto é muito fácil de fazer e possui vários benefícios. Portanto, vale a pena tê-lo em mãos. Vá em frente, prepare a receita e aplique-a diariamente para garantir uma ótima absorção de minerais.

  • Arango, C., et al. “Características histológicas de piel cultivada in vitro.” Rev. Argentina de Dermatología 90.4 (2009): 190-200.
  • Reyes, O. L., Ramos, G. M., Ortega, F., & Palacios, L. (2014). Efecto Antibacteriano In Vitro Del Hidróxido De Magnesio sobre El Streptococcus Mutans y Enterococcus Faecalis. Revista Estomatológica del Altiplano1(1), 12.
  • Sánchez Galafet, Caridad, et al. “Importancia del tratamiento con sulfato de magnesio en pacientes con infarto agudo del miocardio: Estudio preliminar.” Revista Cubana de Medicina 42.3 (2003): 0-0.
  • Shealy, C. Norman. Enciclopedia ilustrada de remedios naturales. Könemann, 1999.