Sinais do corpo de um fígado sobrecarregado

Antes de que seja muito tarde, podemos detectar os problemas do fígado através dos diferentes sinais que o corpo nos envia, já que se refletem a nível externo 
Sinais do corpo de um fígado sobrecarregado

Última atualização: 23 Novembro, 2018

Todos nós ouvimos falar do fígado de maneira constante, já que muitos transtornos de saúde se relacionam com este órgão de forma direta ou indireta. Neste artigo mostraremos se o seu fígado pode estar sobrecarregado a partir de alguns sinais fáceis de serem detectados.

Por que isso acontece? Porque o fígado é grande vítima da má alimentação, da poluição, do estresse, das emoções negativas, etc.

O fígado sobrecarregado afeta todo o organismo

Mulher com dor de cabeça por causa de problemas no fígado

 

O fígado é um órgão vital relacionado com a circulação de todo o organismo, assim como a depuração de substâncias tóxicas.

Por este motivo, se este não funciona de modo correto, nosso corpo pode sofrer as consequências em diferentes áreas.

Neste artigo explicaremos como a função hepática se reflete, por exemplo, no rosto, na boca, na pele ou no cabelo.

O fígado sobrecarregado causa rugas entre as sobrancelhas

Desde sempre consideramos que as rugas são fruto do envelhecimento, e que a genética é a que nos condiciona a sofrê-las antes ou depois.

No entanto, as rugas são um manifesto do funcionamento de nosso organismo e podem ser muito úteis para prevenir doenças.

É o caso, por exemplo, das rugas verticais que aparecem entre as sobrancelhas. Estas podem ser sinal de que estamos com o fígado sobrecarregado. Quanto mais profundas forem, mais grave será o problema.

Rugas por causa de problemas no fígado

Manchas marrons ou verdes

As manchas marrons ou verdes no rosto não são somente uma questão estética ou uma consequência da idade ou a exposição ao sol.

Estas manchas, principalmente se estiverem do lado direito ou na área das têmporas, também indicam um fígado sobrecarregado, mesmo que também façam referência à vesícula biliar, o pâncreas e o baço.

Com relação à cor do rosto, se tende a estar muito amarelado, também pode fazer referência a uma função hepática debilitada.

Pele oleosa na testa

O tipo de pele é outra das questões que atribuímos à genética e à idade. No entanto, uma pele muito seca ou muito oleosa pode estar nos indicando algum desequilíbrio interno.

Quando temos a pele da testa muito gordurosa, podemos estar sofrendo debilidade hepática. Em alguns casos, está unida com um excesso de transpiração na mesma área.

Alopecia localizada e fios brancos

Problemas de perda de cabelo por causa do fígado

Na primavera ou outono podemos perder mais cabelo do que o habitual. No entanto, existem pessoas que sofrem com o problema durante longas temporadas e sem motivo aparente. Para solucioná-lo é importante observar qual zona perdemos cabelo.

Se a alopecia se localiza na parte central da cabeça ou começa a clarear, tanto em homens como em mulheres, estaria indicando um mau funcionamento de vários órgãos, entre eles o fígado.

Os fios brancos prematuros também podem estar colocando em evidência o fígado e a vesícula biliar.

Problemas de visão

De acordo com a medicina tradicional chinesa, o fígado condiciona de maneira direta o fluxo sanguíneo que chega aos olhos. Por este motivo, os problemas de visão podem estar condicionados por um fígado pobre, entre outros motivos.

Se o fígado não funciona bem, os olhos podem perder também seu brilho natural, as pupilas podem ter um reflexo esbranquiçado e uma cor amarelada pode tingir tanto a esclerótica como a zona abaixo dos olhos.

Inflamação de gengivas e garganta

Muitas pessoas que possuem as gengivas inflamadas que sangram com facilidade quando escovam os dentes. Esta questão está relacionada também com o fígado, assim como às inflamações na zona da garganta.

Mesmo que usemos pastas de dente especiais, se não melhorarmos a função hepática, não solucionaremos a sensibilidade e a inflamação das gengivas e da garganta.

Problema bucal por causa do fígado

Como são suas fezes?

As fezes também são um indicador de saúde que não costumamos prestar muita atenção. A seguir diremos quais podem indicar um fígado sobrecarregado:

  • Fezes de cheiros fortes e amargos e de textura pegajosa, fruto de uma má digestão e posterior fermentação dos alimentos.
  • Fezes duras e secas, em forma de bolinhas, típicas da prisão de ventre. Também estão relacionadas com o fígado.
  • Diarreias.
  • Fezes de cor pálida ou similar à argila.
  • Fezes que flutuam, fruto da gordura dos alimentos que não foi bem digerida.

E aí, como está seu fígado?

Pode interessar a você...
Melhore a saúde do seu fígado com um simples remédio: o boldo
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
Melhore a saúde do seu fígado com um simples remédio: o boldo

Esta planta é muito conhecida pelos efeitos positivos no tratamento de problemas hepáticos, indigestão e doenças da vesícula biliar.



  • Liver, E. A. for the S. of the. (2016). Fast facts about liver disease. https://doi.org/10.1007/BF02424977
  • Schinoni, M. I. (2003). Fisiologia Hepática. Gazeta Médica Bahia.