Como higienizar frutas e verduras para evitar o contágio por coronavírus

22 de maio de 2020
O combate ao coronavírus se concentrou nas medidas de segurança necessárias para impedir a sua propagação. No entanto, existem algumas dúvidas sobre quais orientações devem ser seguidas na hora de comprar, armazenar e cozinhar os alimentos.

A maneira de higienizar frutas e verduras é importante quando o objetivo é eliminar quaisquer possíveis contaminantes que elas ainda possam ter. Portanto, devemos saber quais são as etapas apropriadas para, assim, minimizar o risco de contrair alguma infecção. 

Embora atualmente a preocupação tenha aumentado por causa do coronavírus, sempre devemos adotar essas medidas ao consumir frutas e verduras, mesmo quando a casca desses alimentos for eliminada no momento do consumo.

Ao higienizar as frutas e as verduras, eliminamos qualquer resquício de terra e sujeira que ainda possam ter. Além disso, também é necessário fazer a limpeza para eliminar possíveis resíduos de pesticidas, bactérias e outros patógenos que podem vir a causar intoxicações ou problemas de saúde.

O coronavírus pode ser transmitido por meio dos alimentos?

Desde o início da pandemia de coronavírus, a Autoridade Europeia para a Segurança Alimentar (EFSA) tem realizado um acompanhamento detalhado da situação. De acordo com informações desse órgão, “atualmente não há evidências de que os alimentos possam ser uma via provável de transmissão do vírus”. 

Nas palavras da cientista chefe da EFSA, Marta Hugas, chegou-se a essa conclusão após a experiência adquirida com surtos de coronavírus anteriores, como o SARS-CoV e o MERS-CoV. Atualmente, o vírus SARS-CoV-2 está se espalhando entre as pessoas por meio das gotículas presentes no ar expelidas por uma pessoa contaminada que tossiu ou espirrou.

Comprar comida na rua
Até o momento, as pesquisas afirmam que os alimentos não são uma via de contágio para o coronavírus. No entanto, é importante lavá-los adequadamente.

Descubra também: Quais ambientes favorecem a propagação do coronavírus?

Como higienizar frutas e verduras corretamente?

Embora tenhamos visto que é improvável que o coronavírus seja transmitido por meio dos alimentos, seguir algumas orientações gerais para a higiene diária ajuda a minimizar qualquer risco. Portanto, é importante lavar as mãos com água morna e sabão, por pelo menos 20 segundos, antes de higienizar as frutas e as verduras.

Por outro lado, não é necessário usar sabão ou detergente para higienizar os alimentos, pois alguns resíduos dessas substâncias podem permanecer. Então, como higienizar adequadamente esses alimentos? A seguir, apresentamos algumas recomendações.

Como higienizar os diferentes tipos de vegetais

  • Para as verduras, como a alface ou a acelga, devemos separar as folhas e lavar uma por uma. Assim, conseguimos eliminar a terra e os possíveis pesticidas e fertilizantes que possam estar em qualquer uma de suas partes mais internas.
  • Para os vegetais que têm uma consistência mais dura (como o pepino, a abobrinha, o pimentão etc.), podemos usar uma escova específica para lavar vegetais. Devemos esfregar toda a superfície do alimento sob um fluxo de água corrente.
  • No caso da couve-flor e do brócolis, recomendamos primeiro cortar os raminhos. Em seguida, colocar em um escorredor e mergulhar em água fria. Dessa maneira, conseguimos alcançar as partes mais internas que não seria possível sem cortar.
  • Para higienizar os legumes de raiz, como a batata, a beterraba, a cenoura ou o nabo, podemos deixá-los de molho antes como um primeiro passo para retirar a sujeira. Em seguida, devemos esfregar com uma escova ou esponja (sem detergente) com força e sob um fluxo de água. A lavagem deve ser feita antes de descascar.

Como higienizar as principais variedades de frutas

  • As amoras, os morangos e as cerejas são frutas muito delicadas. Desse modo, devemos colocá-las em um escorredor e mergulhar por um tempinho em água fria. Devemos esfregar levemente com as mãos e deixar escorrer.
  • Frutas com casca comestível sempre devem ser lavadas antes de comer, não importando se vamos descascá-la ou comer com a casca. Devemos lavá-las na torneira e esfregar com cuidado. Alguns exemplos desse tipo de frutas seriam os pêssegos, as peras, as maçãs, as ameixas ou as nectarinas.
  • No caso do limão, do kiwi, do mamão e de outras frutas cuja casca não é comestível, devemos lavá-los da mesma maneira antes de descascar. Caso contrário, podemos contaminar a fruta com a faca, por exemplo.
  • Para uma melhor conservação, recomenda-se secar as frutas e os vegetais limpos com um papel toalha.
Higienizar frutas
Algumas frutas podem ser deixadas de molho durante alguns minutos a fim de facilitar a limpeza.

Precisamos usar produtos desinfetantes para os alimentos?

Como vimos, é difícil pegar o coronavírus por meio dos alimentos. As autoridades de saúde e segurança alimentar, portanto, não recomendam o uso de produtos desinfetantes para a limpeza dos alimentos.

Contudo, se quisermos usar, devemos ter certeza de que são produtos homologados e adequados para o uso em alimentos, além de seguir as instruções de uso do fabricante.

O que todos os especialistas recomendam veementemente é seguir as regras básicas de higiene e segurança alimentar de maneira meticulosa. Além de lavar os alimentos, devemos considerar as seguintes orientações:

  • Lavar as mãos antes e depois de manipular alimentos e lavar bem os utensílios e as superfícies de trabalho.
  • Manter frutas e verduras separadas de alimentos como carnes e peixes crus, e evitar usar os mesmos utensílios para manipulá-los.
  • Cozinhar e aquecer muito bem os legumes antes de consumi-los. No caso das saladas, devemos nos certificar de que todos os ingredientes foram previamente lavados antes de cortar e servir à mesa.
  • Conservar frutas e verduras em recipientes adequados e na temperatura certa.
  • Escolher alimentos frescos que estejam nas melhores condições.
  • Manter as medidas preventivas gerais para impedir a propagação do coronavírus.

Leia mais: Mitos sobre a alimentação e o coronavírus

Higienizar frutas e verduras é uma medida básica de segurança

Essas são orientações que devemos seguir antes de comer e cozinhar esse tipo de alimento. Com isso, conseguimos nos proteger do coronavírus, mesmo que os alimentos não sejam uma via provável de transmissão. Além disso, também conseguimos eliminar todos os resquícios de sujeira, fertilizantes e outros patógenos que possam estar presentes nesses alimentos.

  • Bundesinstitut für Risikobewertung. Can the new type of coronavirus be transmitted via food and objects?. Abril 2020.
  • Desai A. N, Aronoff D.M. Food safety and COVID-19. Jama patient page. Abril 2020.
  • Rothan H.A, Byrareddy SN. The epidemiology and pathogenesis of coronavirus disease (COVID-19) outbreak. Journal of Autoimmunity. Febrero 2020. 26:102433.
  • US Food and Drug Administration. Food safety quick tips.