Alimentos que não podem ser combinados com refrigerantes

Ainda que, a princípio, seja possível que não percebamos nenhum incômodo, ingerir refrigerantes de cola com certos alimentos pode provocar indigestão e desequilíbrios internos que podem ter resultados perigosos.

Com certeza você já ouviu falar que os refrigerantes (sobretudo os do tipo “cola”) não fazem bem à saúde. No entanto, muitas pessoas adoram e continuam consumindo-os apesar das advertências.

Neste artigo adicionamos mais um motivo para não beber tanto refrigerante: os alimentos que você não deveria combinar com eles.

Quais alimentos não posso consumir com refrigerantes?

Sem perceber, estamos ingerindo alimentos que, junto com os refrigerantes, podem ser tóxicos ou prejudiciais.

Talvez pensemos que não há problema algum em acompanhar um jantar ou almoço saboroso com um copo de refrigerante, mas existem algumas combinações com certos ingredientes cujos efeitos são prejudiciais.

Preste muita atenção aos alimentos que você não deveria consumir com refrigerantes:

Leia também: Batida de pêra e kiwi contra o inchaço

Leite

Remedio-de-leite-gelado-500x334

Quem gostaria de tomar leite com refrigerante? Certamente não estamos falando de colocar ambos num mesmo copo ou de beber ambos ao mesmo tempo. Mas sim de receitas que contêm leite, tanto salgadas quanto doces.

Por exemplo, algumas massas com molho cremoso ou um bolo de aniversário. Quando chegam ao estômago, o refrigerante e o leite produzem uma grande acidez, que se traduzirá em dores estomacais, refluxo ou indigestão.

Café

Novamente não acreditamos que haja pessoas que ponham refrigerante no seu café, mas sim que bebem o primeiro durante a refeição e o segundo na hora da sobremesa.

Ambos têm altas doses de cafeína e, por essa razão, não são recomendáveis na hora do jantar: causarão insônia, pesadelos ou problemas para pegar no sono.

E há mais sobre esta combinação, já que quando ambos chegam ao estômago, produz-se um tipo de espuma borbulhante que deriva numa acidez muito forte. Portanto, você se sentirá alerta, eufórico e com dor de estômago, tomado por uma grande indigestão.

Panetone

panetone

Para as festas, podemos consumir esta sobremesa deliciosa e doce. Se acrescentarmos a ela a quantidade de açúcar que têm os refrigerantes, o resultado é um aumento perigoso dos níveis de glicose no sangue.

A combinação até pode aumentar o risco de sofrer uma parada cardiorrespiratória.

Além disso, você se sentirá alerta por causa da quantidade de açúcar que existe em seu organismo. Por isso, para desfrutar do panetone no Natal, não o combine com refrigerantes de cola, nem de nenhum outro tipo.

Comidas picantes

Os ingredientes ou especiarias picantes, como a pimenta, o cominho ou o curry, dão sabor aos alimentos, mas quando chegam ao organismo, elevam automaticamente nossa temperatura (por isso, é provável que queiramos beber de imediato).

Pense duas vezes antes de escolher um refrigerante.

As bebidas do tipo cola, em altas temperaturas, convertem-se em ácido sulfúrico. Então, se pensamos que beber um copo de refrigerante aplacará nossa sede ou diminuirá a queimação do estômago, estamos equivocados.

O que você conseguirá será aumentar a quantidade de ácidos estomacais.

Balas de menta

balas_de_menta

Você pode fazer a prova: coloque uma pastilha de menta num copo de refrigerante de cola e você verá a reação… Ocorre uma espécie de explosão! Isso se deve ao poder efervescente das balas e dos gases da bebida.

Imagine então o que acontece em nosso interior ao consumir ambos ao mesmo tempo. Você nem sequer deveria provar tal bebida, já que a dor será insuportável e a reação interna pode ser perigosa.

O que acontece em nosso corpo ao beber refrigerantes de cola?

Misturando-os ou não, esta bebida não faz bem para a nossa saúde. Há quem afirme que ela serve para tudo, menos para beber. O que acontece com nosso organismo quando a bebemos?

Após 10 minutos

Um copo de refrigerante tem 10 colheres de açúcar. Isso mesmo que você leu. Isso age como uma espécie de golpe para o corpo.

Não nos confundamos, já que não nos dá energia nem aumenta nosso estado de alerta, mas apenas desequilibra o nível de glicose no sangue, o que pode ser perigoso.

Após 20 minutos

Os níveis de insulina na corrente sanguínea “disparam” e o fígado tem que trabalhar muito para transformar o açúcar que recebeu. O ruim é que o converte em gordura.

Após 40 minutos

refrigerante

A cafeína começa a fazer efeito em nosso corpo: as pupilas se dilatam e a pressão arterial aumenta. Não sentimos cansaço e o fígado libera açúcar no sangue.

Visite este artigo: Como depurar o sangue com bebidas naturais

Após 45 minutos

O corpo aumenta a produção de um hormônio chamado dopamina, que se encarrega de estimular a área do cérebro dedicada ao prazer e às recompensas.

Por isso gostamos tanto de beber refrigerantes: para a mente, são como uma droga fabulosa.

Após 1 hora

mulher_sentada_copo_refrigerante

Ocorre uma maior eliminação de cálcio através da urina. Isso pode causar osteoporose, queda de dentes, ou ossos mais fracos e vulneráveis a sofrer fraturas. O ácido fosfórico do refrigerante se une também ao magnésio e ao zinco.

O efeito diurético que essas bebidas têm, supostamente, é falso, já que não elimina os resíduos do corpo, mas sim os nutrientes necessários para a vida.

Por isso a pessoa se sente fraca ou irritável logo após a ingestão do refrigerante.

Recomendados para você