2 sintomas da catarata e seus tratamentos naturais

Quando temos catarata, os objetos podem parecer borrados ou menos coloridos. Felizmente, existem alternativas naturais que ajudam a preveni-la ou minimizar seus sintomas. Aqui os mostramos.

Com o passar do tempo, a visão se enfraquece. Principalmente em nossa geração, que está tão exposta ao brilho das telas do computador e do celular. A poluição também influencia no fato de que a luz do sol danifica os olhos, pois a mesma chega com mais intensidade até nós.

Com a consciência de que isso acontece, nos leva a pensar que o aumento da dioptria (unidade que expressa a potência ótica da lente) dos olhos é suficiente. No entanto, a perda de visão nem sempre obedece a um problema de miopia, ou mesmo de hipermetropia. Em certos casos, está relacionado com a catarata.

Mesmo que agora falemos dos sintomas da catarata, tenha em mente que a sensação que aparece é similar ao que acontece quando olhamos através de um cristal côncavo.

Detalharemos tudo a seguir. Vamos lá?

Sintomas da catarata

 1. Visão borrada

Como dizíamos, no começo nos custa perceber de que temos este problema. Principalmente aqueles que já apresentam uma doença. No entanto, existem situações que podem nos ajudar a detectá-la.

Em geral, quando temos um problema de visão, ele nos afeta quando queremos focar de longe ou quando o objeto está próximo. Portanto, experimentamos uma melhora quando encurtamos ou alongamos a distância.

No entanto, a catarata está sempre lá. Portanto, quando começamos a ver borrado em todas as direções, é provável que soframos dessa afecção.

2. Alteração da percepção do brilho e do calor

A cataratas pode alterar a visão

Você lê durante a noite? Se o fizer, pode ser que tenha notado que a lâmpada tem uma luz mais intensa. Ou também é possível que o deslumbrem as luzes dos carros.

Por outro lado, custa mais distinguir as cores. De repente é mais difícil reconhecer as que pertencem a uma mesma gama cromática.

Ambos os sintomas, principalmente se aparecerem ao mesmo tempo, são indícios da catarata.

Tratamentos naturais para as cataratas

1. Comer alimentos ricos em vitaminas

A vitamina A é muito útil para cuidar da saúde dos olhos. Na verdade, age de maneira discreta na membrana na qual o globo ocular se acomoda. Além disso, gera rodopsina, uma substância que nos ajuda a regular a luz de maneira mais eficaz.

Alguns dos alimentos mais eficazes são:

  • Cenoura
  • Brócolis
  • Couve
  • Batata ou batata-doce
  • Lácteos
  • Melão
  • Damasco
  • Manga
  • Bezerro
  • Frango

Por outro lado, as vitaminas B e C são indicadas para tratar o cristalino, encarregado do movimento de focar com precisão. Para receber um teor maior destas vitaminas, recomendamos:

  • Ovos
  • Amêijoa
  • Polvo
  • Caranguejo
  • Salmão
  • Sardinha
  • Cítricos
  • Alho
  • Salsa
  • Pimentão vermelho
  • Acerola
  • Goiaba

2. Reduza o consumo de sal

Reduzir o consumo de sal para prevenir a cataratas

Já em outros artigos falamos que o sal absorve os líquidos. Este fenômeno se dá também com a mucosa que protege nossos olhos. Quando consumimos sal em excesso estamos mais expostos a lesioná-los.

Quando temos os olhos secos, o simples piscar constitui um risco. Acontece porque a função de tal mucosa, entre outras, é a de recobrir o órgão com uma película protetora.

Por isso, ao se desprender, a pálpebra entra em contato direto com o globo ocular, por isso que podemos nos ferir de algum modo.

3. Controle as horas de exposição ao sol

Como indicávamos, a luz do sol é prejudicial, quando falamos da catarata. Sempre é indicado evitar o contato com o sol, já que os raios UVA deterioram os olhos. Mas, o avanço da poluição levou os raios UVA a serem hoje muito mais agressivos que em décadas anteriores.

No entanto, isso não significa que devamos fugir deles. O ideal é tomar o sol nas horas do dia nas quais a iluminação seja mais fraca. Desta maneira, poderemos aproveitar suas vitaminas e seus benefícios.

Veja também: As 9 consequências de não usar óculos de sol

4. Observe algo que lhe agrade durante meia hora

Mulher usando uma lupa

O relaxamento é muito importante para tratar a catarata. Isso não só é obtido fechando os olhos. O prazer também é muito útil. Por isso, é interessante fixar a visão em uma paisagem, um quadro ou uma foto que nos encante.

Assim, baixa a tensão do olho, mas também no resto dos tecidos implicados. Já sabemos que nos liberar do estresse é essencial para o funcionamento do corpo.

A catarata é muito incômoda e inclusive incapacitante. Por isso, é bom seguir estas recomendações, já que constituem um complemento perfeito para os tratamentos que o médico prescrever.

Imagem principal cortesia de © wikiHow.com

Recomendados para você